Como fazer amigos e achar sua turma

HomeReportagem especial

Como fazer amigos e achar sua turma

Veja como fazer amigos do pedal e deixar o seu treino mais interessante

Todo mundo sabe que é uma delícia pedalar, melhor ainda se for em companhia de uma galera sangue bom. Se você não tem amigos ciclistas que te apresentem para outros bikers, a coisa pode ficar difícil. Assim como os surfistas que parecem ter o seu grupo fechado e difícil de ingressar, muitas vezes ciclistas, sejam do asfalto ou das trilhas, têm certa reserva e se sentem ameaçados ao verem um novato querendo iniciar no esporte.

Parte dessa indiferença é característica do próprio esporte. Por ser um esporte individual (o ciclismo é em equipe, mas isto é mais adiante…) cada um tem seu condicionamento e portanto seu ritmo de treino. Ninguém está disposto a esperar por um novato, que põe os bofes de fora na primeira subida. Veja alguns conselhos para você contornar isso e fazer parte dessa tribo.

No início o lance é treinar sozinho mesmo. Consiga informações com amigos ou bons vendedores de lojas conceituadas para adquirir o equipamento e a bike correta. Crie uma planilha semanal de treinos, começando devagar, dentro de seu ritmo, encaixando as pedaladas de acordo com seu tempo livre e, com perseverança e motivação, pedale com freqüência.

Uma das melhores maneiras de se mesclar a um grupo, seja ele qual for, é se vestir como eles. Você não espera adquirir respeito no meio dos ciclistas de speed, vestido de bermuda jeans, tênis de futebol de salão, camisa social e bonés de time de futebol. Ou espera? Pois bem, se você escolheu a bike como esporte, seja no mtb, no triathlon, na speed, downhill ou bmx, faça um esforço e se vista como um deles.

As vestimentas têm a sua razão de ser, são equipamentos de proteção adequado ao esporte. Também não precisa gastar uma fortuna em capacetes caríssimos, óculos de filme do Tom Cruise etc…deixe para gastar com sua bike. Observe os indivíduos dessa fauna e veja como se vestem, como se portam, como se posicionam na bike; se você não tiver jeito para ciclista, pelo menos já abriu caminho para ser antropólogo!

Continua treinando? Sério? Legal, isso mesmo, essa é a parte principal. Com o passar das semanas e dos meses, você já está pedalando com um ritmo legal e os primeiros contatos com a fauna ciclística já deve estar rolando. Agora os primeiros contatos vão começar naturalmente, desde que você vá aos lugares certos.

Quando começou a pedalar, você já deve notado os lugares em sua cidade mais freqüentados por ciclistas e seus horários de treino. Se você pedala off-road também já deve saber que horas aquela trilha é freqüentada. A melhor maneira de se inciar a amizade é mesmo pelo jeito tradicional:

Durante uma pedalada, aproxime-se, tente dizer alguma coisa que não seja muito idiota e veja o que acontece. Sempre haverá os chatos, mas também com certeza você encontrará gente muito legal assim. Se ele for iniciante como você, ou apenas um ciclista de fim de semana, a conversa vai ser legal, e ainda você pode aproveitar para tirar dúvidas do esporte.

Importante: Educação ainda está em moda, antes de se despedir não se esqueça de se apresentar e de perguntar o nome dele/a, na próxima vez que se encontrarem chame-o pelo nome! – Uma dica para você ciclista: Triatletas são mais abertos à amizade com novatos do ciclismo. Talvez por não praticarem o ciclismo, ou talvez pelo volume de treinos diferentes que têm de fazer, sempre gostam de ter companhia por perto, mesmo que de um iniciante.

E como se enturmar com aquela moçada que tem as pernas que mais parecem um tronco de eucalipto? Calma. Calma, você chega lá. Continue treinando que eu explico.

Agora, depois de vários meses de sério trabalho (trabalho aeróbico, batimentos cardíacos moderados, sem se matar de pedalar) você já deve ter alguns amigos, saber o nome deles e telefones para contato. Fim de semana é dia de reunir os amigos que pedalam num ritmo mais ou menos igual ao seu e ir para aquela trilha, pegar a estrada, descer um morro ou simplesmente dar um bom rolê pela cidade. Seja como for, este convívio é muito importante. É aqui que se faz as amizades e se conhece cada vez mais gente do meio ciclístico.

Logo você estará enturmado com a galera que compete e vai pra todo lado onde tem corrida. Competições são uma boa chance de você conhecer e aprender ainda mais sobre seu esporte. Ela vai te trazer ânimo para mais treino e melhora de sua performance.

Lembra daquele pessoal com perna de tronco de eucalipto? Pois é, eles estão por aí. Continue com seus treinos. Continue com sua simpatia. Você já está no meio deles. Se você gostou do meio das competições e quer treinar mais sério é hora de ajuda. Procure orientação profissional e lembre-se que campeões não nascem da noite para o dia. É resultado de anos e anos de treino!

A última dica: Se em sua cidade tem um clube de bikers ou uma equipe competitiva tente ingressar em uma deles. É melhor estar em grupo e na tribo certa!