Brasileiros conquistam etapas do Campeonato Europeu de Bicicross

HomeCompetições

Brasileiros conquistam etapas do Campeonato Europeu de Bicicross

Hugo Osteti e Bianca Quinalha sobem no lugar mais alto do pódio

Hugo Osteti

O Brasil fez bonito e conquistou bons resultados na quinta e sexta etapas do Campeonato Europeu de Bicicross, nos dias 7 e 8 de maio, na República Tcheca.

Hugo Osteti, de 17 anos, revelação do ciclismo nacional, fez uma prova impecável para ficar com o título da quinta etapa, na categoria Junior. Desde as fases classificatórias sempre estava nas primeiras colocações, até chegar à grande final. Hugo largou na terceira raia e durante toda a prova brigou lado a lado com o francês Benjamin Janssens. O brasileiro perdeu a liderança durante uma das curvas, mas se recuperou a tempo.

“Nós fizemos um bom treino na sexta-feira, acertamos tudo e fiquei bastante confiante para a competição. Acabou dando tudo certo também durante a prova e conquistei essa vitória para o Brasil. Quero dedicar o resultado para minha família, minha namorada, e todos os meus amigos que sempre me ajudam e me dão forças. Não é fácil ficar longe de todas essas pessoas” declarou Hugo, que está entre os atletas com potencial para brilhar nos Jogos Olímpicos de Londres.

Na categoria Junior Feminino, o Brasil também foi muito bem representado, com Priscilla Carnaval, que cruzou a linha de chegada no terceiro lugar. “Foi uma competição de altíssimo nível. É um dos campeonatos mais difíceis do mundo e disputamos contra atletas que participaram do último Mundial. Estou muito contente com meu resultado” comentou. Bianca Quinalha ainda terminou na oitava colocação.

Na Elite, Leandro Miranda chegou às oitavas-de-final, disputando contra grandes feras do bicicross mundial. Na prova decisiva, o piloto de 19 anos teve problemas na largada e chegou no 5º lugar, sem avançar para a fase seguinte.

Outros bons resultados na 6ª etapa – Na etapa seguinte, o País seguiu com bons resultados. Na Elite masculina, Leandro enfrentou uma bateria muito difícil logo nas classificações e não avançou para as oitavas. “Foi um final de semana muito proveitoso. Fiquei muito contente com meu desempenho, pois estava andando de igual para igual com vários outros pilotos e isso me deixou mais confiante para as próximas competições” analisou.

Hugo Osteti conseguiu outra campanha notável na Junior. Ele venceu todas as classificações, oitavas e quartas de finais. Na semifinal, sua roda dianteira escorregou na “chapa do gate”, atrapalhando a largada.

Bianca Quinalha

Após o oitavo lugar na quinta etapa, Bianca Quinalha venceu a final de ponta a ponta, na Junior. “Estava determinada e muito focada no que queria. Sabia que não seria fácil vencer, mas também sabia que tinha potencial, e tudo acabou dando certo. Ganhar uma etapa do Campeonato Europeu não é para qualquer uma. Estou muito feliz”, comemorou.

“Está sendo tudo maravilhoso no Centro Mundial de Treinamento da UCI (em Aigle, na Suíça). Tenho à disposição a melhor estrutura do mundo, o melhor treinamento, tudo o que preciso. Está sendo fundamental para o meu desempenho melhorar cada vez mais. Queria dedicar essa vitória para toda minha família que está no Brasil torcendo por mim” continuou. Priscila Carnaval terminou no sexto posto.

O Brasil começa a obter resultados de um trabalho desenvolvido pela Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC), em parceria com a União Ciclística Internacional (UCI), que visa o crescimento do bicicross brasileiro, proporcionando aos atletas uma estrutura de primeiro mundo, além de dar a oportunidade, para os pilotos no Europeu, considerado um dos campeonatos mais fortes do mundo. Para este projeto a CBC escolheu os pilotos da seleção permanente.