Antonio Nascimento vence e lidera a Volta de São Paulo

HomeCompetições

Antonio Nascimento vence e lidera a Volta de São Paulo

Fotos de Sérgio Shibuya e Márcio Kato Depois de 2h21 de prova e média horária de 45.106 km/h, Antonio Nascimento, da Funvic

Fotos de Sérgio Shibuya e Márcio Kato

Tonho festeja a vitória na chegada em Bauru

Depois de 2h21 de prova e média horária de 45.106 km/h, Antonio Nascimento, da Funvic/Marcondes Cesar/Pindamonhangaba, foi o primeiro a cruzar a linha de chegada da etapa da Volta Ciclística Internacional do Estado de São Paulo.

Tonho, como é conhecido, venceu a primeira edição em 2004 e foi acompanhado no pódio pelo campeão de 2006, Alex Diniz, da Padaria Real/Caloi/Céu Azul Alimentos/Sorocaba.

Em terceiro lugar ficou o jovem estreante, Joel Prado Jr, da Refactor/PZ Racing/DKS Bike/Santana de Parnaíba, para mostrar que os veteranos não podem relaxar. Joel, de apenas 18 anos, é líder da categoria Sub-23. Por equipes, o domínio foi da equipe de Pindamonhangaba, que colocou três ciclistas entre os sete primeiros.

A PROVA
Os 106 quilômetros desta primeira etapa, entre Marília e Bauru, começaram sob garoa fina e céu ainda escuro às 7 horas e reuniu 136 ciclistas.

Foto de Márcio Kato - Trecho de neblina na primeira etapa

A largada dentro de Marília foi controlada e 7,4 quilômetros depois, já na rodovia Comandante João Ribeiro de Barros, foi dada a largada cronometrada.

A etapa teve várias tentativas de fuga, mas a primeira que vingou foi a dos atletas Joel Prado Jr, de Santana de Parnaíba, e Jocemildo Pereira, da ADF Liniers/São Paulo, por volta do km 40.

A dupla chegou a ter mais de três minutos de vantagem sobre o pelotão e dividiu com tranquilidade um prêmio de montanha, que ficou com Joel, e uma meta volante, que foi para Jocemildo.

Antonio Nascimento escapou só no km 60, junto com outros dois atletas de sua equipe, e considera que acertou na estratégia. “A fuga aconteceu no momento certo”, avalia.

“O clima ameno ajudou um pouco e meus parceiros de equipe me deram segurança para o sprint final”, contou o campeão da primeira etapa. O ciclista, que ficou com o título do Tour em 2004, vê vários adversários fortes nesta edição.

Ele considera que precisa ficar atento especialmente a Alex Diniz e José Eriberto, de Sorocaba, Cleberson Weber, da DataRo/Foz do Iguaçu/Itaipu Binacional, André Pulini, de Americana e uma dupla de Santos, Flávio Reblin e Marcos Novello. O veterano de 34 anos sabe bem que o respeito aos adversários é fundamental para quem está de olho no título.

“A Funvic/Pindamonhangaba não pode repetir o erro do ano passado, quando perdeu uma grande vantagem – e o título – na penúltima etapa”.

O outro campeão no pódio, Alex Diniz, da Padaria Real, também adotou a estratégia da fuga mais tardia, e gostou do resultado.

“A chuva nos últimos três dias prejudicou os treinos e eu não estava me sentindo bem. Poupei energia e dei tudo no sprint final. Valeu a pena”, contou. Alex, que é especialista em montanhas, ficou fora dos dois prêmios de montanha e das metas volantes do dia.

“Acho que a etapa me devolveu o ritmo, e aposto que nesta segunda-feira será ainda melhor”.

Etapa teve 106km de competição e 7,6km neutralizados

ESTREIA DE LUXO
O estreante Joel Prado Jr. conquistou o terceiro lugar com uma estratégia bem diferente. Pouco depois do km 40, o atleta de Santana do Parnaíba escapou junto com Jocemildo Pereira, da ADF Liniers. Joel venceu um prêmio de montanha e ficou em segundo em uma meta volante.

“Esse foi o melhor resultado da minha vida, junto com um terceiro lugar no contrarrelógio do Brasileiro Sub-23 de Cerquilho deste ano”. Até o próprio atleta ficou surpreso com o pódio.

“Confesso que não esperava. Depois do km 80, a fuga tinha 10 bicicletas. Eu garanti o pódio só na curva final, a 200 metros da chegada”.

METAS E MONTANHA

Jocemildo na passagem pela segunda meta volante

A primeira etapa teve duas metas volantes e dois prêmios de montanha. O vencedor da etapa, Antonio Nascimento, levou também o primeiro prêmio de montanha e foi terceiro na segunda meta volante.

Joel Prado Jr, levou o outro prêmio de montanha, e ficou em segundo na meta volante final. Esses prêmios valem pontos para as equipes e também um valor em dinheiro para os atletas.

O técnico de sua equipe, Benedito Tadeu, o Kid, está animado. “Eu tive três atletas na fuga neste domingo e todos terminaram entre os sete primeiros e isso mostra como o grupo está forte e nivelado”.

E comemora: “Este ano, todos os nossos ciclistas têm chance de vencer o Tour”. Até por isso, a equipe vai trabalhar aberta até o contrarrelógio em São Carlos, na terça-feira, e só depois disso definirá quem será o primeiro ciclista.

Antonio Nascimento exibe o troféu

RESULTADOS

OS TRÊS PRIMEIROS DA PRIMEIRA ETAPA

1- Antonio Nascimento – 2h21min48s
2- Alex Diniz – 2h21min48s
3- Joel Prado Jr. – 2h21min48s

METAS VOLANTES
Primeira
1- Roberto Silva (Funvic/Marcondes Cesar/Pindamonhangaba) – 5 pontos
2- Edgardo Simon (Paradaria Real/Caloi/Céu Azul Alimentos/Sorocaba) – 3 pontos
3- Francisco Chamorro (São José dos Campos/Cannondale) – 2 pontos

Segunda
1- Jocemildo Pereira (ADF Liniers/São Paulo) – 5 pontos
2- Joel Prado Jr. (Refactor/PZ Racing/DKS Bike/Santana do Parnaíba) – 3 pontos
3- Antonio Nascimento (Funvic/Marcondes Cesar/Pindamonhangaba) – 2 pontos

PRÊMIOS DE MONTANHA
Primeiro
1- Antonio Nascimento (Funvic/Marcondes Cesar/Pindamonhangaba) – 5 pontos
2- José Eriberto (Padaria Real/Caloi/Céu Azul Alimentos/Sorocaba) – 3 pontos

Segundo
1- Joel Prado Jr. (Refactor/PZ Racing/DKS Bike/Santana do Parnaíba) – 5 pontos
2- Jocemildo Pereira (ADF Liniers/São Paulo) – 3 pontos

OS 10 PRIMEIROS DA GERAL
1- Antonio Nascimento(Funvic/Marcondes Cesar/Pindamonhangaba) – 2h21min37
2- Alex Diniz (Padaria Real/Caloi/Céu Azul Alimentos/Sorocaba) – a 5 segundos
3- Joel Prado Jr. (Refactor/PZ Racing/DKS Bike/Santana do Parnaíba) – a 5 segundos
4- Jocemildo Pereira (ADF Liniers/São Paulo) – a 8 segundos
5- Breno Sidoti (Funvic/Marcondes Cesar/Pindamonhangaba) – a 11 segundos
6- Cleberson Weber (DataRo/Foz do Iguaçu/Itaipu Binacional) – a 11 segundos
7- José Eriberto (Padaria Real/Caloi/Céu Azul Alimentos/Sorocaba) – a 11 segundos
8- Adélio Paulo Silva (Funvic/Marcondes Cesar/Pindamonhangaba) – a 11 segundos
9 – Roberto Pinheiro Silva ((Funvic/Marcondes Cesar/Pindamonhangaba) – a 15 segundos
10- Daniel Amaral (Refactor/PZ Racing/DKS Bike/Santana do Parnaíba) – a 16 segundos

CLASSIFICAÇÃO POR PONTOS
1- Antonio Nascimento(Funvic/Marcondes Cesar/Pindamonhangaba) – 12 pontos
2- Joel Prado Jr. (Refactor/PZ Racing/DKS Bike/Santana do Parnaíba) – 8 pontos
3- Alex Diniz (Padaria Real/Caloi/Céu Azul Alimentos/Sorocaba) – 7 pontos

CLASSIFICAÇÃO DE MONTANHA
1- Antonio Nascimento(Funvic/Marcondes Cesar/Pindamonhangaba) – 5 pontos
2- Joel Prado Jr. (Refactor/PZ Racing/DKS Bike/Santana do Parnaíba) – 5 pontos
3- Jocemildo Pereira (ADF Liniers/São Paulo) – 3 pontos
4- José Eriberto (Padaria Real/Caloi/Céu Azul Alimentos/Sorocaba) – 3 pontos

CLASSIFICAÇÃO POR EQUIPES
1- Funvic/Marcondes Cesar/Pindamonhangaba – 7h05min24seg
2- Padaria Real/Caloi/Céu Azul Alimentos/Sorocaba – a 7 segundos
3- Refactor/PZ Racing/DKS Bike/Santana do Parnaíba – a 12 segundos
4- DataRo/Foz do Iguaçu/Itaipu Binacional – a 14 segundos
5- São Lucas Saúde/Giant/UAC/Americana – a 21 segundos

A competição começou na manhã desse domingo com 136 ciclistas e prossegue amanhã, com largada às 7 horas, com a segunda etapa entre as cidades de Bauru e São Carlos, com 178 km, com previsão de chegada entre 10h50 e 11h30.