Português e espanhol assumem liderança do Brasil Ride

HomeMountain bike

Português e espanhol assumem liderança do Brasil Ride

Segunda etapa com 145km teve 32 desistências. Josemberg Pinho e Raphael Mendes são os melhores brasileiros na Elite.

Atletas no segundo ponto de apoio em Piatã

Fotos de Ivan Padovani

A primeira etapa da ultramaratona Brasil Ride fez jus à fama de uma das provas mais difíceis do mundo. Das 100 duplas que alinharam no domingo, apenas 72 completaram a segunda etapa dentro do limite de tempo de 12 horas.

Além da alta quilometragem, os competidores tiveram que enfrentar um forte calor na casa dos 40 graus, e um terreno desafiador, com trechos de muita lama, pedras, areais e duas fortes subidas de serra que somaram 3.372 metros totais de ascenção.

Sob calor de 40 graus, atleta aproveita para relaxar durante travessia de em riacho no percurso

Após o duro e massacrante percurso de 145km entre Mucugê e Rio de Contas, 32 atletas não completaram a prova, alguns sofreram avarias mecânicas e outros tiveram problemas mecânicos e teve até um caso de intoxicação alimentar do atleta Brian Smith, que teve que abandonar a corrida no segundo ponto de apoio, em Piatã.

No meio a tantas adversidades, a dupla formada pelo português Luis Pinto e pelo espanhol Alejandro Lopes (Team Spano-Luso) acabou levando a melhor e cumpriu a jornada em 6h32min24s e assumiu a liderança geral.

“Ontem foi apenas um aquecimento e hoje sim foi para valer. Nós demonstramos que não viemos para brincar,” alerta Luís Leão Pinto.

 

“Sabíamos que os adversários mais fortes seriam eles, nos conhecemos de outras provas e vamos lutar até o fim,” comenta Kristian Hynek, campeão em 2010.

Robert Novatny e Kristian Hynek (Future Cycling Sweep), campeões do ano passado, chegaram em segundo e estão a 2min37s.

A dupla checa Tomas Vokrouhlik e Martin Horak, da BMC, andou bem na primeira etapa mas teve problemas mecânicos com o câmbio traseiro e desceu para a oitava colocação geral, a 49 minutos da liderança.

Os vencedores da primeira etapa Steffen Thum e Simon Gegenheimer (Ultra Sports Rose Racing) também sofreram problemas mecânicos e desceram para a sexta colocação geral a 43min50s dos líderes.

A PROVA
Na ponta do pelotão, a disputa ficou entre as equipes de Kristian Hynek & Robert Novatny (Future Cycling-Sweep) e Luis Leão Pinto & Alejandro Lopez Dias de la Penha (Team Spano-Luso) que se revezaram na parte final para abrir tempo dos demais.

O português Luis Pinto (à frente) andou sempre no primeiro pelotão e assumiu a liderança geral

A estratégia deu certo e na última subida de 10km, o campeão espanhol de maratona, Alejandro Lopez e seu parceiro escaparam dos adversários e conquistaram a vitória e a camisa de líder geral.

Logo na sequência chegaram os brasileiros da Elite, Josemberg Pinho e Raphael Mendes (JC Bikes) demonstrando todo potencial do país diante dos melhores atletas do mundo.

E não demorou para os atletas experientes da categoria Máster cruzarem o pórtico de chegada. Os suíços Barti Bucher e Hansjuerg Gerber confirmaram novamente o favoritismo, seguido pelos brasileiros da Master, Abraão Azevedo e Paulo Freitas (RC Bikes Master).

A grande baixa do dia foi o casal Brian e Jennifer Smith que abandonaram a prova no segundo ponto de apoio, em Piatã, depois que Brian sentiu-se mal por conta de uma intoxicação alimentar e ficou sem forças para prosseguir.

Melhor para a dupla formada pela alemã Ivonne Kraft e pelo brasileiro Mateus Ferraz (Brasil Soul/ RC Bikes), que venceu a etapa e abriu 36 minutos na categoria dupla Mista.

Na Elite feminina, a paulista Adriana Nascimento e Sabrina Gobbo somaram nova vitória e abriram 52 minutos de vantagem sobre a mineira Andrea Marcellini e Melanie Leveau (Hora do Blush).

A prova prossegue nessa terça-feira com a etapa de cross country, que é a principal novidade na Brasil Ride. O circuito fechado terá cinco voltas de 7km cada ao redor da cidade de Rio de Contas.

CLASSIFICAÇÃO GERAL APÓS DUAS ETAPAS

GERAL ELITE
1 Luis Pinto & Alejandro Lopez (Team Spano – Luso) – 7h03min35s
2 Kristian Hynek & Robert Novotny (Futurecycling-Sweep) – a 2:37
3 Josemberg Pinho & Raphael Mendes (JC Bikes) – a 25:56
4 Lukas Kauffmann & Christopher Maletz (Team Easton Rockets) – a 30:08
5 Hugo Neto & Douglas Neto (OCE-Treine/KHS/Infanti) – a 34:26

MISTA
1 Ivonne Kraft & Mateus Ferraz (Brasil Soul / RC Bikes) – 8h38min59s
2 Annabella Stropparo & Piero Pellegrini (Annapiero) – a 35:46
3 Agu Apaza & Cesar Lettoli (Team Olmo-Flecha Bus) – a 1:14:28
4 Claudia Tollendal & Marcelo Pedretti (São Paulo) – a 1:52:03
5 Raquel Gontijo & Helder Carvalho (Cachorrinhos) – a 2:05:34

MASTER
1 Barti Bucher & Hansjuerg Gerber (Bixs -Zelleweger Architekten) – 7h56min35s
2 Abraao Azevedo & Paulo Freitas (Master Brasil Soul – RC Bikes ) – a 30:13
3 Paul Romero & Eduardo Soares (Team Sole) – a 1:10:31
4 Heleno Borges & Giovane Rufino (Konskritos Dbike) – a 1:16:52
5 Pedro Neto & Daniel Aliperti (Pedal Power Epic) – a 2:31:18

ELITE FEMININA
1 Adriana Nascimento & Sabrina Gobbo (Ladies Brasil Soul – RC Bikes) – 10h32min56s
2 Andrea Marcellini & Melanie Leveau (Hora Do Blush) – a 52:05
3 Carla Plens & Susan Zorzetto (CM/SZ)     – a 2:27:41