Londres 2012: Wiggins é ouro na crono e brasileiro Magno Nazaret fica em 26º; veja resultado completo

HomeCompetições

Londres 2012: Wiggins é ouro na crono e brasileiro Magno Nazaret fica em 26º; veja resultado completo

O alemão Tony Martin ficou com a prata e o também britânico Chris Froome com o bronze

Bradley Wiggins vence a crono dos Jogos de Londres

Daniela Prandi/Bikemagazine
Fotos de divulgação

Bradley Wiggins disputou com a torcida a favor a prova de crono dos Jogos de Londres, nesta quarta-feira (1 de agosto). O penúltimo ciclista a largar foi o mais rápido do contrarrelógio e conquistou o ouro ao fechar o percurso de 44km em 50m39s. O atleta, o primeiro britânico a vencer o Tour de France, semanas atrás, provou que está em sua melhor fase e levou os fãs ao delírio.

Wiggins, que foi homenageado na abertura dos Jogos de Londres ao ser escolhido para “tocar o sino” que iniciou a festa, chega ao seu quarto ouro olímpico, de um total de sete medalhas, um recorde britânico.

Durante a disputa da crono, os olhos estavam voltados ao suíço Fabian Cancellara, que foi o último a largar, seguindo a hierarquia, já que o ciclista foi o campeão da prova em Pequim – 2008.

Mas Cancellara, que havia sofrido um queda no sábado, na prova de estrada, não estava em sua melhor forma. Terminou a crono com o sétimo melhor tempo e lamentou muito a má performance, sentado no chão, com cara de dor e tristeza.

Tony Martin, Bradley Wiggins e Chris Froome no pódio olímpico

O campeão mundial Tony Martin, da Alemanha, ficou com a prata e o britânico Chris Froome, colega de Wiggins no time Sky que, inclusive, teve uma participação importante no Tour de France, ficou com o bronze.

O brasileiro Magno Nazaret terminou na 26ª colocação.

CONFIRA O RESULTADO
1 Bradley Wiggins (Grã-Bretanha) 0:50:39.54
2 Tony Martin (Alemanha) 0:00:42.00
3 Christopher Froome (Grã-Bretanha) 0:01:08.33
4 Taylor Phinney (EUA) 0:01:58.53
5 Marco Pinotti (Itália) 0:02:09.74
6 Michael Rogers (Austrália) 0:02:11.85
7 Fabian Cancellara (Suíça) 0:02:14.17
8 Bert Grabsch (Alemanha) 0:02:38.50
9 Jonathan Castroviejo Nicolas (Espanha) 0:02:49.82
10 Janez Brajkovic (Eslovênia) 0:03:30.18
11 Lieuwe Westra (Holanda) 0:03:40.08
12 Vasil Kiryienka (Belarus) 0:03:50.75
13 Edvald Boasson Hagen (Noruega) 0:03:51.33
14 Lars Bak Ytting (Dinamarca) 0:03:53.67
15 Jakob Fuglsang (Dinamarca) 0:03:54.95
16 Gustav Larsson (Suécia) 0:03:55.72
17 Philippe Gilbert (Bélgica) 0:04:00.44
18 Nelson Filipe Simões Santos Oliveira (Portugal) 0:04:02.03
19 Jack Bauer (Nova Zelândia) 0:04:14.62
20 Denis Menchov (Rússia) 0:04:19.72
21 Ramunas Navardauskas (Lituânia) 0:04:32.78
22 Lança Lars (Holanda) 0:04:50.20
23 Alexandre Vinokourov (Cazaquistão) 0:04:57.51
24 Fumiyuki Beppu (Japão) 0:05:01.10
25 Maciej Bodnar (Polónia) 0:05:10.13
26 Magno Nazaret Prado (Brasil) 0:05:11.23
27 David McCann (Irlanda) 0:05:24.23
28 Ryder Hesjedal (Canadá) 0:05:26.64
29 Sylvain Chavanel (França) 0:05:28.13
30 Michael Albasini (Suíça) 0:05:58.84
31 Assan Bazayev (Cazaquistão) 0:06:01.23
32 Luis Leon Sanchez Gil (Espanha) 0:06:19.62
33 Aurelio Martinez Tomas Gil (Venezuela) 0:06:25.58
34 Mouhcine Lahsaini (Marrocos) 0:06:45.70
35 Fabio Andres Duarte Arevalo (Colômbia) 0:06:54.66
36 Alireza Haghi (Irã) 0:07:01.90
37 Ahmet Akdilek (Turquia) 0:08:31.65