Holux, a nova opção de GPS para ciclistas

HomeTecnologia

Holux, a nova opção de GPS para ciclistas

Marca chega ao Brasil com cinco aparelhos

Fotos de divulgação

Cada vez mais utilizados por praticantes de atividades outdoor, os aparelhos de GPS ganham espaço entre ciclistas. Além de ajudar na navegação, esses aparelhos possuem uma vasta coleção de recursos para monitorar a pedalada e os treinos.

De olho nesse mercado, mais uma marca chega ao Brasil. Desde junho de 2012, a taiwanesa Holux está no mercado brasileiro com cinco modelos voltados para o público apaixonado por bicicletas. No Brasil, a marca é importada e representada pela Tirante A Adventure Instruments, empresa criada por Renato Pisani, engenheiro eletrônico e piloto apaixonado por voo livre em parapente que viu no mercado de bicicletas uma oportunidade de expansão para os negócios.

“O diferencial de nosso produto é a grande quantidade de recursos e a tela touchscreen de 3 polegadas com 240×400 pixels que pode ser facilmente visualizada em qualquer condição de luz. Outra característica é que nosso chip é de altíssima sensibilidade e o ciclista pode montar seus próprios mapas e importar para o aparelho”, explica Pisani.

O modelo básico é o GPS Sport 245 que tem display em LCD com 4 tons de cinza e resolução de 128×128 pixels e é vendido por R$ 299. Já o GPS Sport 260 e GPS 260 Pro, que opcionalmente pode marcar batimentos cardíacos, são comercializados por R$ 512 e R$ 647 respectivamente.

Painel de avião
O destaque da marca, entretanto, fica por conta do Holux Fun Trek 130 Pro, que traz recursos tão completos que transforma o cockpit de uma bicicleta num verdadeiro “painel de avião”. Feito de plástico resistente com detalhes emborrachados, de bom acabamento e resistente a choques e a água de acordo com o protocolo IPX6, o aparelho pesa 124 gramas e mede 58x105x23mm, ou seja, do tamanho de um celular normal.

A lista de recursos é imensa e literalmente “estudar” o manual é uma condição obrigatória para se tirar proveito de toda a tecnologia embarcada no aparelho. Entre as muitas funções destaca-se o barômetro de alta precisão, geocaching (caça ao tesouro), bússola eletrônica em 3D, além das ferramentas EZ Planner e EZ Tour Planner que auxiliam na tarefa de transferir os tracks para mapas e planejar as pedaladas e também importar mapas para dentro do aparelho.

“O Holux aceita qualquer mapa digital ou mesmo em papel, pode até ser uma imagem escaneada em PDF”, explica o engenheiro.

Tocando na tela resistiva (que pode ser acionada mesmo com luva), o ciclista tem acesso a todos os recursos e pode também configurar as informações que deseja que sejam exibidas, como velocidade, distância, tempo, altitude, redução de carbono, calorias, alarme, cronômetro, calculadora, calendário e até dicas de saúde e de primeiros socorros.

Todos esses recursos podem ainda ser incrementados com acessórios wifi opcionais para ciclistas, como marcador de cadência e de velocidade (que exigem a instalação de sensores no pedivela e na roda traseira respectivamente), e marcador de frequência cardíaca por meio de uma fita peitoral. Mas para que instalar sensores de velocidade num equipamento de GPS? Segundo Pisani, essa facilidade é interessante quando se está em área de sombra (debaixo de árvores densas, por exemplo), assim, os dados coletados pelo sensor da bicicleta funciona na prática como uma opção de backup, já que o aparelho já faz essa medição com muita precisão e eficiência.

O Holux Fun Trek 130 Pro recebe o sinal do satélite por meio de um chip de alta sensibilidade. O aparelho roda o sistema operacional Win CE 5.0 da Microsoft, característica que permite a instalação de qualquer aplicativo que rode no Windows, como aplicativos de mapas para navegação rodoviária como o iGo.

A memória interna é do tipo flash com 2GB e é expansível para até 32GB com a utilização de um cartão micro-SD. A bateria de lítio de 1050mAh é recarregável, com duração de até 12 horas em standby.

O aparelho vem com um kit que traz bolsa de neoprene para transporte, CD de instalação, carregador de bateria com entrada USB e o cabo USB. O preço do modelo é de R$ 1.145 e a garantia é de um ano.

www.holux.com