Bolsa-Atleta contempla paraciclista que morreu em dezembro

HomeÚltimo KM

Bolsa-Atleta contempla paraciclista que morreu em dezembro

Na lista divulgada nesta sexta-feira aparece o nome de João Alberto Schwindt Filho

Foto de divulgação

O nome do paraciclista João Alberto Schwindt Filho, que morreu em dezembro, aparece na lista

O programa Bolsa-Atleta divulgou nesta sexta-feira (15 de fevereiro) a primeira lista dos contemplados de 2013. Entre os beneficiados, que contou com recorde de atendidos (4.992 auxílios em 55 modalidades que pertencem aos programas olímpico e paraolímpico) aparece o nome do paraciclista João Alberto Schwindt Filho, que morreu aos 35 anos, no dia 27 de dezembro, em um acidente de moto em Corumbá de Goiás.

Procurada pela reportagem, a assessoria de imprensa do Ministério do Esporte informou: “O atleta deu entrada ao pedido da bolsa com toda a documentação, por isso foi contemplado. Entretanto, o fato de ter o nome incluído na  lista de contemplados não significa que o atleta receberá o benefício, já que ainda terá que assinar um termo de adesão. Isso, infelizmente, não será possível no caso João Alberto Schwindt Filho, que faleceu num acidente há um mês e meio”.

Na lista do ciclismo aparecem os nomes de atletas como Murilo Fischer, Clemilda Fernandes, Gideoni Monteiro e Gregory Panizo. No mountain bike, estão Ricardo Pscheidt e Roberta Stopa, entre outros.

Para conferir a lista completa, clique aqui

O programa Bolsa-Atleta de 2013 registrou um aumento de 17,7% em relação aos 4.243 atletas, de 53 modalidades, atendidos em 2012. Desde 2012, o programa apoia atletas consagrados no esporte nacional, independentemente de receberem patrocínio. Dos 441 atletas brasileiros que representaram o país durante os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de Londres, 313 (71%) estão contemplados nesta nova lista.

Neste ano, o Ministério do Esporte concederá aos atletas duas bolsas, uma referente aos resultados conquistados em competições de 2011 e outra relativa aos resultados de 2012, o que garantirá a equivalência do repasse ao desempenho esportivo do ano imediatamente anterior. A relação de atletas divulgada hoje se refere aos resultados obtidos em 2011. Já a segunda lista do ano para modalidades olímpicas e paraolímpicas terá como base os resultados alcançados em 2012.

Pela primeira vez, o Bolsa-Atleta atende atletas de todos os 26 estados e do Distrito Federal. Em 2012, somente o Acre não contou com atletas contemplados – neste ano, são 10 representantes do estado. O Ministério do Esporte destinará R$ 72,2 milhões para beneficiar os atletas nas cinco categorias: Estudantil, de Base, Nacional, Internacional e Olímpica/Paraolímpica. Nas próximas semanas, serão abertas as inscrições para as bolsas das modalidades que não pertencem aos programas olímpico e paraolímpico.