Henrique Avancini e Sherman Trezza são os campeões da ultramaratona Brasil Ride

HomeCompetiçõesMountain bike

Henrique Avancini e Sherman Trezza são os campeões da ultramaratona Brasil Ride

Confira depoimento do atleta da Caloi após a 7ª e última etapa

Foto de divulgação

Henrique Avancini e Sherman Trezza, da Caloi, são os campeões da ultramaratona Brasil Ride 2013. “Entramos na prova longe de ser uma dupla favorita ao título, mas crescemos dia a dia, etapa a etapa e km a km. Eu e o Sherman fomos grandes parceiros e nossa sintonia na prova foi excelente. Essa foi a grande diferença para conquistar o título. Essa prova não se ganha – nem se perde – sozinho”, afirmou Avancini em sua página no Facebook.

Avancini com a camisa amarela de líder

Confira o depoimento do biker após a 7ª e última etapa:

“Hoje largamos para a última etapa motivados e confiantes. Eu me sentia bem e não deixaria o título escapar. Não depois de tudo. Hoje nossa postura foi diferente. Se uma dupla que brigasse pela geral se movesse um metro eu iria reagir na hora com o Sherman. Logo no primeiro single track estávamos bem e quando os espanhóis tentaram atacar na subida mais dura do dia e conseguimos reagir muito bem, ficamos ainda mais confiantes. Quando o Sauser e o Yamamoto atacaram com pouco mais de 40km, houve um tombo no pelotão e o Sherman ficou preso no tombo.

O suíço e o japonês seguiram para a vitória na etapa e tentamos só controlar o tempo, pois a diferença era bem grande, e se eles seguissem sozinhos na frente seria perfeito, pois assim os espanhóis não teriam a chance de sair em uma fuga com eles. Quando chegamos nos últimos 18km (mesmos do prólogo) sabíamos o que deveria ser feito. As outras duplas acabaram ficando para trás e então éramos nós e a equipe espanhola Inverse, segunda dupla na geral. Ditei o ritmo na maior parte do tempo e seguimos juntos até o final.

No final viemos todos tranquilos, pois não valia o risco para nenhuma das duplas, e cruzamos a linha na 3ª colocação, junto com os espanhóis em 2º, o que foi mais do que o suficiente para vencer a classificação geral do Brasil Ride.

Fiquei realmente feliz com a vitória, por muitos motivos. Pelo nível dos pilotos na prova, pela torcida, pelo carinho e atenção da equipe organizadora do evento, pela prova em si e principalmente por vencer com um brasileiro e grande amigo.

Não nos preparamos para a prova, não somos ultra maratonistas e não temos experiência neste tipo de prova. Simplesmente acreditamos e quando o título sorriu pra nós, agarramos a oportunidade.

Depois de uma longa temporada, venci competições da UCI de janeiro a outubro, fiz o melhor que pude e trabalhei duro. Agora quero férias e um refresco para planejar e me preparar ainda melhor para 2014.

Essa já era… Essa é nossa! Essa é do Brasil!”