Avancini aponta 3 duplas que podem dar trabalho na Brasil Ride

HomeCompetiçõesBrasil Ride

Avancini aponta 3 duplas que podem dar trabalho na Brasil Ride

Duplas reúnem o grego Periklis Ilias e o português Tiago Ferreira; em outra estão o holandês Hans Becking e o tcheco Jiri Novak e, ainda, a do brasileiro Ricardo Pscheidt com o espanhol Sergio Mantecón

Avancini vai defender o título conquistado no ano passado na Brasil Ride

Avancini vai defender o título conquistado no ano passado na Brasil Ride

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

Henrique Avancini está a caminho da 5ª edição da ultramaratona Brasil Ride. Vai defender o título de campeão mais uma vez em dupla com o parceiro Sherman Trezza Paiva, da Caloi. Em entrevista ao Bikemagazine, o atleta apontou três duplas como adversárias diretas da batalha pelo bicampeonato, apesar de a lista de concorrentes não ser divulgada até um dia antes da largada.

Por tradição, a ultramaratona Brasil Ride não informa seus concorrentes como estratégia. “Não é comum não divulgar, e eu não gosto muito”, afirma o atleta. Pela regra da UCI, a start list deve ser informada 24 horas antes da largada.

O português Tiago ferreira e o o grego Periklis Ilias

O português Tiago ferreira e o o grego Periklis Ilias

A dupla Ricardo Pscheidt e o espanhol Sergio Mantecón

A dupla Ricardo Pscheidt e o espanhol Sergio Mantecón

A primeira dupla apontada por Avancini é a que reúne o grego Periklis Ilias e o português Tiago Ferreira, vencedor da ultramaratona na região da Chapada Diamantina na edição de 2012, com Luís Leão Pinto, que não participa este ano. O novo parceiro de Ferreira foi o campeão mundial de marathon de 2012.

A segunda dupla citada já é conhecida pelas bandas da Chapada Diamantina. O holandês Hans Becking e o tcheco Jiri Novak são fortes adversários, integrantes da equipe Brentjens MTB e chegaram, inclusive, a liderar a Brasil Ride no ano passado. “Não sei se eles estão bem, mas sempre são fortes concorrentes”, diz.

A terceira dupla apontada por Avancini reúne o catarinense Ricardo Pscheidt e o espanhol Sergio Mantecón, que está na equipe Trek desde 2009. Pscheidt, tricampeão brasileiro de XCO e atual campeão brasileiro de XCM, também é da equipe Trek no Brasil. “O Pscheidt é uma dos mais capacitados para o tipo de prova da Brasil Ride”, completa Avancini.

AS ETAPAS

Dia 19 – Prólogo – Mucugê – 20km 309m
Dia 20 – Etapa 2 – Mucugê – Rio de Contas – 147km – 3.355m
Dia 21 – Etapa 3 – Rio de Contas – Rio de Contas – 6,9km 205m
Dia 22 – Etapa 4 – Rio de Contas – Rio de Contas – 84,7 km 2.156m
Dia 23 – Etapa 5 – Rio de Contas – Rio de Contas – 94,7km 1.881m
Dia 24 – Etapa 6 – Rio de Contas – Mucugê – 143,4km 2.854m
Dia 25 – Etapa 7 – Mucugê – Mucugê – 72,1km 928m