Ariel João e Priscilla Stevaux são os campeões brasileiros de BMX

HomeCompetiçõesMais competições

Ariel João e Priscilla Stevaux são os campeões brasileiros de BMX

Provas foram disputadas durante três dias na nova pista de supercross de Londrina, no Paraná

Pódio da Elite, com Ariel João da Silva com o ouro

Pódio da Elite, com Ariel João da Silva com o ouro

Fotos de divulgação/Thiago Lemos

Ariel João da Silva e Priscilla Stevaux são os campeões brasileiros de BMX 2016. As provas foram disputadas durante três dias na nova pista de supercross de Londrina, no Paraná. O evento contou com mais de 350 pilotos de vários estados disputando com muita determinação o pódio nas classes Cruiser, Challenger e Championships.

No masculino, Renato Rezende (GT/FOP/Shimano) abriu a competição com a vitória no Time Trial, no sábado (12), e foi vice-campeão, poucos segundos atrás de Ariel João da Silva, no dia seguinte. Entre as mulheres, Priscilla Stevaux (Caixa/Shimano/Frootiva) foi soberana, ao levar o título do Time Trial (contrarrelógio) e garantir o tricampeonato brasileiro na elite.

Chegada e vitória para Ariel João da Silva

Chegada e vitória para Ariel João da Silva

Ariel João da Silva surpreendeu os favoritos e conquistou o título da principal categoria. Enquanto Renato Rezende levou a prata, Felipe Guilherme ficou com a medalha de bronze. Mesmo com o vice-campeonato nacional, Rezende comemorou bastante o título do Time Trial. “Fiquei muito feliz em conquistar o título do contrarrelógio e poder marcar meu nome como o primeiro campeão da pista de Londrina na categoria elite. A nova pista tem um traçado bastante técnico e será fundamental para auxiliar no crescimento da nossa modalidade”, declarou Renato.

Após garantir ouro no contrarrelógio, Priscilla Stevaux, do Clube São José dos Campos (SP), mostrou que está em ótima forma e voltou a vencer na Racing, comemorando assim o tricampeonato nacional. “Larguei com muita cautela porque sabia da exigência da pista. Mas durante as baterias acabei conseguindo ganhar confiança e procurei fazer o meu melhor. Estou muito feliz por conquistar o meu terceiro título nacional, esse resultado confirma o trabalho que venho desenvolvendo ao lado do meu irmão e técnico Douglas Stevaux”, declarou Priscilla.

Pódio do feminino

Pódio do feminino

Assim como na prova de contrarrelógio, o pódio da Elite feminina se repetiu com a paranaense Julia Alves, do Clube Americana, em segundo lugar, seguida pela mineira Thaynara Morosini, em terceiro. Na categoria Junior a vitória ficou com Paola Reis, considerada uma das novas revelações do BMX brasileiro. A ciclista baiana, que fraturou no fêmur após sofrer um acidente no último Campeonato Mundial, mostrou uma incrível capacidade de superação.

“Estou retornando de lesão e isso é bastante complicado. Essa é a minha segunda corrida após a fratura, que aconteceu em março, mas estava me sentindo muito confiante e graças a Deus consegui a vitória. Gostaria muito de agradecer o meu técnico Leonardo Gonçalves e minha família pelo apoio que sempre tem me dado”, comentou Paola.