Cape Epic: Avancini e Fumic retornam para brigar pelo título

HomeCompetiçõesCape Epic

Cape Epic: Avancini e Fumic retornam para brigar pelo título

Brasileiro e alemão, que venceram a última etapa do ano passado e terminaram em 4º na geral, estão confirmados na prova na África do Sul, conhecida como o "Tour de France do MTB"

Avancini e Fumic comemoram a vitória na etapa final Foto: Shaun Roy/Cape Epic/Sportzpics

Avancini e Fumic comemoram a vitória na etapa final de 2016 Foto: Shaun Roy/Sportzpics

Dani Prandi / Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

Henrique Avancini está de volta à ultramaratona Cape Epic, de 19 a 26 de março, na África do Sul. Novamente em dupla com o alemão Manuel Fumic, ambos da equipe Cannondale, o campeão brasileiro retorna um ano depois de vencer a etapa final e ficar com o 4º lugar na classificação geral da prova que é considerada uma das, ou a mais, difícil do MTB. Muitos, inclusive, chamam a ultramaratona Cape Epic de “o Tour de France do mountain bike”.

Avancini e Fumic na última etapa Foto: Ewald Sadie/Cape Epic/Sportzpics

Avancini e Fumic na Cape Epic 2016 Foto: Ewald Sadie/Sportzpics

Nesta edição, as ambições são bem diferentes das do ano passado. “Em 2016 fomos com o objetivo de lutar por uma vitória em etapa e conseguimos. Fizemos uma corrida inteligente, mas nossa preparação estava toda voltada aos Jogos Olímpicos”, lembra Avancini em entrevista ao Bikemagazine. Mas, nesta temporada, com uma programação, digamos, mais light, a briga é outra. “Vamos atacar na ponta, fazer uma corrida mais agressiva e nosso objetivo é brigar pelo título”, garante.

Avancini e Fumic renovaram seus contratos com a Cannondale já com os olhos voltados para a disputa da Cape Epic. “Quando negociei disse que era a minha meta para 2017”, confirma o brasileiro, que passou o início do ano na África do Sul treinando com o companheiro. “O Fumic é um cara espetacular, tenho admiração e aprendo com ele. Com essa nova ambição, vamos largar com uma outra postura”, completa.

Nino Schurter na Cape Epic Foto: gary Perkin/Sportzpics

Nino Schurter na Cape Epic de 2014 Foto: Gary Perkin/Sportzpics

A Cape Epic de 2017 já está sendo considerada uma das edições mais fortes de todos os tempos. A ultramaratona terá a presença de adversários de peso, a começar pelo campeão mundial e medalha de ouro nos Jogos Rio 2016, o suíço Nino Schurter, que vai correr em dupla com o compatriota Matthias Stirnemann. “2016 foi um ano incrível, com a vitória no Mundial e no Rio. Agora busco novos objetivos e quero competir novamente na Cape Epic, depois de dois anos sem estar lá”, disse Schurter que, em 2014, fez dupla com o sul-africano Philip Buys e ficou em 5º na classificação geral.

O cinco vezes campeão da Cape Epic Christoph Sauser também confirmou que estará de volta, novamente em dupla com o tcheco Jaroslav Kulhavy (medalha de ouro nos Jogos de Londres-2012 e medalha de prata nos Jogos Rio-2016 no mountain bike), que foi seu parceiro na edição de 2015. Sauser tinha dito que estava se “aposentando” da Cape Epic, mas ficou somente um ano de fora da disputa.

Com a volta de Sauser, a pressão em cima do alemão Karl Platt aumenta, já que ele também venceu a prova cinco vezes. Platt estará na disputa com Urs Huber, pela equipe Bulls, e vai batalhar para repetir a vitória de 2016 e, assim, voltar ao posto de recordista de vitórias da ultramaratona.

Quem também promete brigar pelo pódio, mais uma vez, é o veterano Alban Lakata, que vai encarar as trilhas mais uma vez ao lado do companheiro Kristian Hynek, pela equipe Topeak Ergon. Lakata terminou em 6º, 5º, 4º, 3º e 2º em edições anteriores e deve estar muito disposto a lutar pelo 1º lugar.

E tem ainda a inusitada dupla formada pelos espanhóis Jose Hermida e Joaquim “Purito” Rodriguez, em sua primeira experiência no mountain bike.

Fumic e Avancini no percurso Foto: Gary Perkin/Cape Epic/Sportzpics

Fumic e Avancini no percurso de 2016 Foto: Gary Perkin/Sportzpics

“Sem dúvida, a edição 2017 será a mais prestigiosa de todos os tempos”, completa Avancini, que vai estrear a temporada neste final de semana na primeira etapa da Taça Brasil, em Campo Largo (PR). O brasileiro, que sofreu um estiramento durante a disputa do cross country nos Jogos Rio 2016, ficou um período parado para se recuperar. “Este será o meu primeiro teste, mas estou bem”, afirma.

Percurso da ultramaratona Cape Epic 2017

Percurso da ultramaratona Cape Epic 2017

A Cape Epic 2017 vai retornar para a região costeira de Hermanus, já percorrida em 2008, além de contar com um novo final. O prólogo continua em Meerendal Wine Estate e, agora, a última etapa será em Val de Vie Estate, em um total de 691 quilômetros e subida acumulada de 15.400 metros.

VEJA VÍDEO COM AS DUPLAS DA ELITE
[youtube url=”https://www.youtube.com/watch?v=YMxLyvSrA34″ width=”560″ height=”315″]

 

LEIA MAIS
Reportagens sobre a Cape Epic no Bikemagazine