Shimano Fest: Chaman vence criterium; Raiza e Cocuzzi faturam Short Track

HomeCompetiçõesCiclismo nacional

Shimano Fest: Chaman vence criterium; Raiza e Cocuzzi faturam Short Track

Último dia do evento contou com provas de ciclismo e mountain bike no Jockey Club de São Paulo

Lauro Chaman vence prova de criterium do Shimano Fest Foto: Luis Claudio Antunes

Lauro Chaman vence prova de criterium do Shimano Fest Foto: Luis Claudio Antunes

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

O campeão mundial de paraciclismo Lauro Chaman foi o vencedor da prova Criterium Road, neste domingo (17 de setembro), no encerramento do Shimano Fest, em São Paulo. No feminino, a vencedora foi Wellyda dos Santos. Ambos integram a equipe Funvic.

Na prova de MTB Short Track, os vencedores foram os atuais campeões brasileiros de XCO, Raiza Goulão (Primaflor/Mondraker/Rotor) e Luiz Henrique Cocuzzi (Lar Nossa Senhora).

Wellyda dos Santos foi a mais rápida entre as mulheres Foto: Luis Claudio Antunes

Wellyda dos Santos foi a mais rápida entre as mulheres Foto: Luis Claudio Antunes

A prova de Criterium Road começou com as baterias Open Feminino e Masculino, vencidas por Daiana Rodi e Kleber Lopes. Depois, entre os profissionais, Wellyda dos Santos cmpletou a corrida em 43min32seg625, totalizando dez voltas (32km). Já entre os homens Lauro Chaman completou as 12 voltas (38,4 km) com o tempo de 44min38seg816. “Foi uma prova muito técnica e dura, com um sprint atrás do outro. Ano passado fiquei em segundo lugar, com a Thayna Araújo, quando eu competia na Memorial/Santos. Desta vez, a Thayna ficou em segundo de novo, pelo meu antigo time, e eu pude ser a campeã, mantendo o título na Funvic”, disse Wellyda. Adriana Azuma Lobo, Daniela Cristina Lionço e Ana Paula Polegatch completaram o pódio.

No masculino, estiveram ao lado de Lauro Chaman no pódio os ciclistas Endrigo da Rosa Pereira, Flavio Cardoso, Roberto Pinheiro e Jean Carlo Coloca. “A Criterium Road no Shimano Fest é uma prova muito dura, embora curta e rápida. Tentamos colocar todos os atletas da Funvic na frente e, graças ao trabalho de companheiros como o Roberto e o Flavio, tive a oportunidade de ficar livre e somar mais pontos. Marcaram muito eles dois e sobrou espaço para mim, que sou novo na equipe”, contou Chaman.

Cocuzzi cruza em primeiro Foto: Filipe Mota

Cocuzzi cruza em primeiro Foto: Filipe Mota

À tarde, a pista de 1,1 km construída no Jockey Club de São Paulo, recebeu a vitória de Luiz Henrique Cocuzzi, que escapou nos 300 metros finais. Rubinho Valeriano foi o vice-campeão, seguido de seu companheiro de equipe, Guilherme Muller, Sherman Trezza e José Gabriel Marques.

“Essa corrida do MTB Short Track no Shimano Fest é sempre muito difícil, porque é disputada o tempo inteiro. Tivemos seis atletas juntos em grande parte dos mais de 30 minutos de prova, sempre muito rápidos. Defini minha estratégia de atacar apenas na última volta e deu certo”, comemorou Cocuzzi.

Raiza Goulão faturou no Short Track Foto: Filipe Mota

Raiza Goulão faturou no Short Track Foto: Filipe Mota

Na elite feminina, quem venceu de ponta a ponta foi a goiana Raiza Goulão, tricampeã brasileira de XCO. O pódio teve ainda Aline Simões, Danielle de Moraes, Livia Dantas e Bianca Gonçalves. “Sempre uma grande felicidade estar no Shimano Fest e compartilhar com os amantes do ciclismo o momento que vivo, além de poder competir com as meninas do Brasil. É um circuito para o público, em que ele está vibrando com você em todas as curvas”, destacou Raiza.

Cross Country Eliminator
Na noite de sábado (16) o evento contou ainda com uma prova de cross country eliminator (XCE). Entre as mulheres, a vencedora foi a mineira Karen Olimpio, que dominou a corrida do começo ao fim. Danielle de Moraes, Aline Simões, Livia Dantas e Bianca Gonçalves completaram o top 5. No masculino, vitória de Luiz Cocuzzi, seguido de Daniel Grossi, Lucas Borba, Rubinho Valeriano e Juliano Cocuzzi.