Etapa rainha da Paris-France será nas curvas do Col de Turini

HomeCompetiçõesCiclismo

Etapa rainha da Paris-France será nas curvas do Col de Turini

Saiba mais sobre a escalada no trajeto usado pelo Rally de Monte Carlo, nos Alpes, que vai receber o pelotão na penúltima etapa da competição na França

Col du Turini, nos Alpes, será o cenário da etapa rainha da Paris-France

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

A subida ao Col de Turini será o grande destaque da Paris-Nice 2019. A etapa rainha, no sábado (16 de março), no penúltimo dia da disputa, com 181,5 km, vai levar o pelotão ao icônico trajeto do Rally de Monte Carlo, nos Alpes.

Altimetria da 7ª etapa da Paris-Nice

O trecho mais desafiador tem 14,9 km, com inclinação média de 7,3%. O ponto mais alto fica a 1.607 metros acima do nível do mar, mas o que mais preocupa os escaladores são as 34 curvas que fizeram o trajeto ser considerado um dos mais mais difíceis do mundo pelo programa de TV Top Gear.

O Col de Turini tem sido palco de corridas de carro desde os anos 1960. Oito vezes vencedor do Rally de Monte Carlo, e ciclista amador, o piloto Sébastien Loeb afirma que “definitivamente, é melhor encarar a subida de carro do que de bicicleta”.

Para o diretor da Paris-Nice, François Lemarchand, espera-se intensidade, “É uma escalada muito irregular, com trechos muito íngremes, curvas muito apertadas, o que a torna espetacular. Neste momento da temporada, quando os ciclistas ainda não estão em plena forma, especialmente após seis dias de competição, acho que a disputa será intensa. Será que os melhores escaladores estarão prontos?”, afirma.

Ciclistas franceses, como Warren Barguil (Fortuneo-Samsic) e Romain Bardet (AG2R La Mondiale) fizeram treinos no local no início da temporada. “É importante reconhecer o trajeto. Teremos de enfrentar antecipadamente a encosta do Côte de Pélasque e no total haverá 4.600 metros de inclinação durante a etapa ”, conta o vencedor da camisa de montanha do Tour de France de 2017. “Escalar o Col du Terini será um grande desafio, porque a etapa não tem descanso. Será uma etapa ao estilo do Tour de France”, completa.

COL DE TURINI NO THE COL COLLECTIVE

AS ETAPAS
Etapa 1 – 10 de março – 138.5km Saint-Germain-en-Laye – Saint-Germain-en-Laye
Etapa 2 – 11 de março – 163.5km Les Bréviaires – Bellegarde
Etapa 3 – 12 de março – 200km Cepoy – Moulins/Yzeure
Etapa 4 – 13 de março – 210.5km Vichy – Pélussin
Etapa 5 – 14 de março – Coontrarrelógio individual – 25.5km Barbentane
Etapa 6 – 15 de março – 176.5km Peynier – Brignoles
Etapa 7 – 16 de março – 181.5km Nice – Col de Turini La Bollène-Vésubie
Etapa 8 – 17 de março – 110km Nice – Nice

LEIA MAIS
Paris-France no Bikemagazine