CIMTB: Rubens Valeriano e Letícia Cândido vencem XCC da 3ª etapa

HomeCompetiçõesMountain bike

CIMTB: Rubens Valeriano e Letícia Cândido vencem XCC da 3ª etapa

Competição em Ouro Preto abriu a programação da 3ª etapa da Copa Internacional de MTB; Guilherme Muller e Lukas Kaufmann ficaram em 2º e 3º

Rubens Valeriano na vitória do XCC em Ouro Preto

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação/Alemão Silva

As competições do short track espantaram o frio de Ouro Preto, na manhã deste sábado (29 de junho). As competidoras da Elite Feminina foram as primeiras a entrarem na pista. A campeã brasileira de Short Track, Letícia Cândido (Corinthians Audax Bike Team) permaneceu invicta e levou a melhor. A vice-campeã foi a equatoriana Miryam Nunez seguida da brasileira Jaqueline Mourão (Sense Factory Racing). No masculino, o campeão brasileiro de Short Track, Rubinho Valeriano (Sense Factory Racing) subiu no lugar mais alto do pódio, seguido de Guilherme Muller (Cannondale Factory Racing) e Lukas Kauffmann (FKS Factory Racing).

Na Elite Masculina, o pelotão ficou com os atletas Rubens Valeriano (Sense Factory Racing), José Gabriel (Corinthians Audax Bike Team), Lukas Kauffmann (FKS Factory Racing), Luiz Henrique Cocuzzi (Lar-Scott). Na última volta, Cocuzzi estava em primeiro lugar fazendo uma corrida sólida, porém teve problemas no equipamento, o que mudou o cenário. A disputa foi grande na chegada com os três primeiros lugares. Rubens Valeriano completou a prova com 30:04. Guilherme conseguiu a segunda colocação no sprint final terminando com 30:06, apenas um segundo de diferença em relação a Lukas Kaufmann.

Pelos belos cenários de Ouro Preto

Disputa abriu a 3ª etapa da CIMTB

“Vim com a cabeça de fazer a prova constante, mas não esperava a vitória. O circuito é travado, técnico, pára, arranca, desce, freia, é minha cara. É um trajeto que exige pilotagem, muita troca de marcha e força. Me senti bem a partir da terceira volta e consegui pegar o segundo lugar e depois, por conta de uma quebra de equipamento do Cocuzzi, mantive no primeira colocação e terminei com a vitória e feliz”, comentou.

Pódio do XCC feminino

No feminino, a campeã brasileira de Short Track Letícia Cândido ficou atrás no pelotão que foi liderado inicialmente por Marcela Lima (Caloi Avancini Team), as equatorianas Mirian Nunez e Michela Molina e Jaqueline Mourão. Mas se recuperou e encerrou com 31:32, vantagem de 40 segundos sobre a segunda colocada. “Minha estratégia era realmente ver como as atletas estavam, sentir meu corpo para ver como eu reagiria, mas eu fiquei muito para trás na largada e no decorrer da prova fui buscando e quando tive a oportunidade eu me posicionei. Deu certo. Não era uma estratégia mas fiquei muito feliz”, afirmou a campeã.

A equatoriana Miryam Nunez, estreou na modalidade com o vice-campeonato. “A prova é muito rápida e dura, com competidoras fortes. É a primeira vez que corro um Short Track, o início foi um pouco travado, mas estou muito feliz com colocação”, comentou.

A terceira colocada da equipe Sense Factory Racing, Jaqueline Mourão, concluiu a prova com 32:39. A atleta comentou que o resultado foi satisfatório depois de uma maratona de preparação para os Jogos Pan-americanos. “Eu estou feliz com a terceira colocação, estou vindo de um bloco de treinamentos muito fortes, então sabia que ia sofrer”, disse. A competidora ressaltou que outro desafio é o circuito ouro-pretano. “É uma pista corrida, plana, não é muito minha característica. Eu gosto mais de pistas com Petrópolis, mas estou feliz de ter lutado até o final do Short Track”, finalizou.