Lauro Chaman é bicampeão da Copa do Mundo de Paraciclismo

HomeCompetiçõesCiclismo nacional

Lauro Chaman é bicampeão da Copa do Mundo de Paraciclismo

Paraciclista da equipe Memorial confirma título após vitória na prova de estrada no domingo no Canadá; próximo compromisso é o Parapan, em Lima

Chaman confirma título de bicampeão no Canadá

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação/CBC

O paraciclista Lauro Chaman, da equipe Memorial/Santos/Fupes, conquistou o bicampeonato da Copa do Mundo de Paraciclismo neste domingo (11 de agosto). A taça foi confirmada após a última etapa do torneio, disputada em Baie-Comeau, no Canadá. Ao falar de seu feito, já tendo em vista os Jogos Paralímpicos de Tóquio, no ano que vem, o paratleta destacou a importância do título mundial.

“Estou muito feliz pela conquista. É gratificante. Foi muito difícil ganhar o bicampeonato de uma competição deste nível, e isso a um ano da Paralimpíada. Sigo focado para ir a Tóquio bem preparado”, diz Chaman, que venceu a Copa do Mundo pela primeira vez em 2017.

Embora já pense no maior desafio de 2020, o paraciclista também está de olho no Parapan-Americano, que será realizado em Lima, no Peru, no fim deste mês. Ele acredita que o título do final de semana pode ajudar no maior torneio do continente. “A conquista traz uma motivação a mais”, ressalta.

Chaman venceu as etapas na Itália e na Bélgica

Lauro Chaman chegou ao Canadá como líder da Copa do Mundo após duas etapas, na Itália e na Bélgica, ambas realizadas em maio. Na primeira, o paratleta ficou com ouro no contrarrelógio individual e prata na resistência e na  segunda foi prata no contrarrelógio individual.

Em solo canadense, ele disputou a prova de contrarrelógio individual na última sexta-feira (9). Ficou na segunda posição. Já no domingo, venceu a prova de estrada. Desta forma, o brasileiro atingiu 304 pontos, 20 a mais que o vice-campeão, o holandês Daniel Abraham. Fechou o pódio o britânico William Bjergfelt, que somou 164 pontos.

Lauro Chaman nos Jogos Paralímpicos Rio 2016

Chaman, que é de Araraquara (SP) e tem 32 anos, disputa provas paralímpicas desde os 19 anos. O ciclista nasceu com o pé esquerdo virado para trás e, após passar por cirurgia de correção, perdeu os movimentos no tornozelo, o que provocou uma atrofia na panturrilha. Nos Jogos Paralímpicos Rio-2016 faturou a medalha de prata no ciclismo de estrada e a de bronze na prova de contrarrelógio. Um ano depois conquistou o título de campeão mundial de paraciclismo de estrada.

LEIA MAIS
Lauro Chaman no Bikemagazine