Bicicleta ou triciclo elétrico: qual o melhor em cada ocasião?

HomeTecnologia

Bicicleta ou triciclo elétrico: qual o melhor em cada ocasião?

Triciclo elétrico é a escolha perfeita para quem não consegue viver sem a sensação de liberdade que as bicicletas proporcionam, mas não tem mais condições de pedalar

Bicicleta elétrica ou triciclo elétrico estão no meio termo entre os automóveis e as bikes

Foto de divulgação

Recentemente houve uma explosão no número de veículos que misturam a propulsão humana com os motores, impulsionada pela moda dos patinetes. Entre estes veículos estão o triciclo elétrico e a bicicleta elétrica. Nós que somos apaixonados por bicicletas tradicionais nos perguntamos o que esses modelos podem proporcionar de diferente, quais as vantagens deles e em quais ocasiões cada um deles é mais indicado.

O triciclo elétrico é a escolha perfeita para quem não consegue viver sem a sensação de liberdade que as bicicletas proporcionam, mas não tem mais condições de pedalar, seja por conta da idade, por ter contraído algum problema de locomoção ou lesão grave. Existem modelos adequados para estes casos, que são os triciclos sem pedal, em que o passageiro vai sentado e não precisa fazer força alguma.

Já para usar nas atividades rotineiras, como percorrer o caminho até o trabalho todos os dias, a bicicleta elétrica é mais indicada. Um triciclo elétrico tem grandes chances de te deixar na mão caso as distâncias que você percorre sejam um pouco maiores, já que a carga deles dura no máximo 35 quilômetros. Já entre as bicicletas elétricas, existem modelos que podem aguentar até 60 km rodados, sendo garantida até para quem faz longos caminhos. Porém, se a bateria acabar e o triciclo elétrico for do tipo com pedal, basta pedalar e usá-lo como um triciclo comum.

Do ponto de vista financeiro, usar um triciclo elétrico é mais caro. O custo dos modelos mais básicos é superior ao dos modelos intermediários de bicicletas elétricas, além de gerar mais gastos na conta de energia, pois o tempo de recarga da bateria é de pelo menos quatro horas, podendo chegar até oito, enquanto no caso das bicicletas, este tempo oscila entre três e cinco horas. Hoje em dia já existem até modelos que podem ser recarregados apenas com a energia gerada pelas pedaladas.

Por conta desses custos maiores e da autonomia não tão alta das baterias, o triciclo elétrico acaba sendo inviável para quem pretende ter um meio de transporte como instrumento de trabalho, como os entregadores. Por outro lado, o uso do triciclo para fazer entregas tem uma vantagem crucial: a segurança, pois a roda extra faz com que ele tenha mais estabilidade do que uma bicicleta elétrica, ajudando a evitar acidentes. Alguns modelos tem até ainda cintos de segurança.

Ambos os veículos se apresentam como um meio termo entre os automóveis e as bikes: financeiramente, ambientalmente e no ponto de vista da comodidade. Levando em consideração os fatores que analisamos, é possível afirmar que as bicicletas elétricas são a melhor opção quando você precisa de um meio de transporte para a sua rotina, enquanto os triciclos elétricos são melhores para momentos de pura descontração.