Vuelta 2020: Woods vence 7ª etapa; Carapaz segura liderança geral

HomeCompetiçõesCiclismo

Vuelta 2020: Woods vence 7ª etapa; Carapaz segura liderança geral

Canadense atacou na subida final e deixou Omar Fraile e Alejandro Valverde para trás; Richard Carapaz manteve a camisa vermelha, com vantagem de 18 segundos

Woods comemora a vitória na 7ª etapa da Vuelta

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação/Unipublic

O canadense Michael Woods (EF Pro Cycling) venceu nesta terça-feira (27 de outubro) a 7ª etapa da Volta a Espanha, na abertura da segunda semana da competição. A etapa, com 159,7 km entre Vitoria-Gasteiz a Villanueva de Valdegovia, teve duas escaladas ao Alto de Orduña, de categoria 1. Woods escapou de um pequeno grupo que liderava a prova na subida final e cruzou com o tempo de 3h48min16s. Omar Fraile (Astana) e Alejandro Valverde (Movistar) ficaram em 2º e 3º, a 4 segundos.

 

O pelotão cruzou a linha 56 segundos depois, após um dia tranquilo para os candidatos à classificação geral, sem ataques de grandes nomes nas encostas íngremes do Puerto de Orduña. Richard Carapaz (Ineos Grenadiers) manteve a camisa vermelha de líder da classificação geral, com vantagem de 18 segundos sobre Hugh Carthy (EF Pro Cycling).

Carapaz protegido por sua equipe

Valverde na 7ª etapa da Vuelta

Na classificação de montanha, Guillaume Martin (Cofidis) assumiu a liderança. Primoz Roglic (Jumbo-Visma) manteve a liderança da classificação por pontos e Enric Mas (Movistar) segue na liderança da classificação de melhor jovem.

O veterano Valverde faturou o prêmio de mais combativo da etapa. O espanhol comandou ataques e recuperou quase um minuto na classificação geral e subiu para a 9ª colocação, a 2min03s. “Acho que devo ficar feliz com o resultado de hoje. Eu ataquei na primeira escalada de Orduña também pensando na classificação geral. Fiquei um pouco irritado com a finalização, porque não tentei buscar Woods nos últimos 2 km e me arrependi, eu não deveria tê-lo deixado ir. No geral, acho que oferecemos um bom espetáculo e fizemos nossos rivais trabalharem um pouco”, comentou Valverde. 

TOP 10 DA ETAPA
1 Michael Woods (Can) EF Pro Cycling 03:48:16
2 Omar Fraile Matarranz (Esp) Astana Pro Team 00:00:04
3 Alejandro Valverde (Esp) Movistar Team 00:00:04
4 Nans Peters (Fra) AG2R la Mondiale 00:00:08
5 Guillaume Martin (Fra) Cofidis 00:00:08
6 Rui Costa (Por) UAE Team Emirates 00:00:13
7 Alex Aranburu Deba (Esp) Astana Pro Team 00:00:13
8 Ide Schelling (Hol) Bora-Hansgrohe 00:00:13
9 Kenny Elissonde (Fra) Trek-Segafredo 00:00:13
10 Davide Formolo (Ita) UAE Team Emirates 00:00:13

TOP 10 DA CLASSIFICAÇÃO GERAL
1 Richard Carapaz (Ecu) Ineos Grenadiers 28:23:51
2 Hugh Carthy (GBr) EF Pro Cycling 00:00:18
3 Daniel Martin (Irl) Israel Start-Up Nation 00:00:20
4 Primoz Roglic (Slo) Team Jumbo-Visma 00:00:30
5 Enric Mas Nicolau (Esp) Movistar Team 00:01:07
6 Felix Grossschartner (Aut) Bora-Hansgrohe 00:01:30
7 Marc Soler (Esp) Movistar Team 00:01:42
8 Esteban Chaves (Col) Mitchelton-Scott 00:02:02
9 Alejandro Valverde (Esp) Movistar Team 00:02:03
10 George Bennett (NZl) Team Jumbo-Visma 00:02:39

Próxima etapa
A 8ª etapa, nesta quarta-feira, terá 164 km, de Logroño ao Alto de Moncalvillo. Mais um dia de montanhas, com uma subida de categoria 2 e final em subida, até Moncalvillo, a 1.490 metros de altitude.

Alto de Moncalvillo na chegada da 8ª etapa

AS ETAPAS
Etapa 1 – 20 de outubro – Irun Arrate – Eibar – 173 km
Etapa 2 – 21 de outubro – Pamplona – Lekunberri – 151,6 km
Etapa 3 – 22 de outubro – Lodosa – Laguna Negra – 166,1 km
Etapa 4 – 23 de outubro – MGarray. Numancia – Ejea de los Caballeros – 191,7 km
Etapa 5 – 24 de outubro – Huesca – Sabiñánigo 184,4 km
Etapa 6 – 25 de outubro – Biescas – Aramon Formigal 146,4 km
26 de outubro – Dia de descanso
Etapa 7 – 27 de outubro – Vitoria-Gasteiz – Villanueva de Valdegovia 159,7 km
Etapa 8 – 28 de outubro – Logroño – Alto de Moncalvillo 164 km
Etapa 9 – 29 de outubro – B.M. Cid Campeador. Castrillo del Val – Aguilar de Campoo 157,7 km
Etapa 10 – 30 de outubro – Castro Urdiales – Suances 185 km
Etapa 11 – 31 de outubro – Villaviciosa. Alto de La Farrapona – Lagos de Somiedo 170 km
Etapa 12 – 1 de novembro – La Pola Llaviana – Alto de L’Angliru 109,4 km
2 de novembro – Dia de descanso
Etapa 13 – 3 de novembro – Muros. Mirador de Ézaro – Dumbría 33,7 (contrarrelógio)
Etapa 14 – 4 de novembro – Lugo – Ourense 204,7 km
Etapa 15 – 5 de novembro – Mos – Puebla de Sanbria 230,8 km
Etapa 16 – 6 de novembro – Salamanca – Ciudad Rodrigo – 162 km
Etapa 17 – 7 de novembro – Sequeros – Alto de La Covatilla – 178,2 km
Etapa 18 – 8 de novembro – Hipódromo de la Zarzuela – Madrid 124,2 km

LEIA MAIS
Volta a Espanha no Bikemagazine

ÚLTIMO KM