Tour de France revela rota de 2021, com escalada dupla ao Ventoux

HomeCompetiçõesCiclismo

Tour de France revela rota de 2021, com escalada dupla ao Ventoux

A 108ª edição da corrida, programada de 26 de junho a 18 de julho, vai começar na Bretanha e terá duas provas de contrarrelógio

Pelotão na etapa final do Tour de France de 2020

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação/ASO

Desta vez, por causa das medidas anti-Covd 19, o anúncio do percurso do Tour de France, que normalmente é realizado com pompa e circunstância em Paris, com festa e muitos convidados, foi pela TV. O trajeto da 108ª edição da corrida, programada para ocorrer de 26 de junho a 18 de julho, foi apresentado neste domingo à noite no canal France Télévision e uma das grandes novidades da disputa de 2021 é uma escalada dupla inédita ao Monte Ventoux.

O Tour 2021, por causa dos Jogos Olímpicos de Tóquio, que foram remarcados para 23 de julho a 8 de agosto, também teve que mudar de data.

 

A região da Bretanha vai receber a largada, com Brest na 1ª etapa antes de outras três etapas na região, incluindo uma chegada ao topo da colina em Mûr-de-Bretagne. Após uma primeira semana com oportunidade ​​para os velocistas em Pontivy, Fougères e Chateauroux, os Alpes chegam ao percurso com escaladas a Le Grand-Bornand e Tignes.

Mas, certamente, a 11ª etapa é uma das mais esperadas, com o retorno do Tour ao famoso Mont Ventoux após quatro anos. A montanha será escalada duas vezes pela primeira vez no Tour e vai terminar em descida, o que não ocorria desde 1994.

Nos Pirineus, Andorra recebe a 15ª etapa, que terá o ponto mais alto do Tour, em Port d’Envalira, a 2.408 metros de altitude. As subidas ao Col de Peyresourde e ao Col de Portet serão os desafios da 17ª etapa e, no dia seguinte, chega a hora de escalar o Col du Tourmalet.

Uma etapa para velocistas em Libourne será realizada um dia antes do contrarrelógio individual de 30,8 quilômetros em Saint-Émilion, que será a anfitriã da batalha final da camisa amarela antes da tradicional etapa final para Paris.

AS ETAPAS
Etapa 1 – 26 de junho – Brest – Landerneau – 197,8 km
Etapa 2 – 27 de junho – Perros-Gueirec – Mûr-de-Bretagne – 183,5 km
Etapa 3 – 28 de junho – Lorient – Pontivy – 182,9 km
Etapa 4 – 29 de junho – Redon – Fougeres – 150,4 km
Etapa 5 – 30 de junho – Changé – Laval Espace Mayenne – 27,2 km contrarrelógio individual
Etapa 6 – 1 de julho – Tours – Chateauroux – 160,6 km
Etapa 7 – 2 de julho – Vierzon – Le Creusot – 249,1 km
Etapa 8 – 3 de julho – Oyonnax – Le Grand-Bornand – 150,8 km
Etapa 9 – 4 de julho – Cluses – Tignes – 144,9 km
Dia de descanso 1
Etapa 10 – 6 de julho – Albertville – Valence – 190,7 km
Etapa 11 – 7 de julho – Sorgues – Malaucene – 198,9 km
Etapa 12 – 8 de julho – St-Paul-Trois – Chateaux Nimes – 159,4 km
Etapa 13 – 9 de julho – Nimes – Carcassonne – 219,9 km
Etapa 14 – 10 de julho – Carcassonne – Quillan – 183,7 km
Etapa 15 – 11 de julho – Céret – Andorre la Vieille – 191,3 km
Dia de descanso 2
Etapa 16 – 13 de julho – Pas de la Case – Saint-Gaudens 169 km
Etapa 17 – 14 de julho – Muret – Saint Lary Soulan-Col du Portet 178,4 km
Etapa 18 – 15 de julho – Pau – Luz Ardiden 129,7 km
Etapa 19 – 16 de julho – Mourenx – Libourne 207 km
Etapa 20 – 17 de julho – Libourne – Saint-Emilion – 30,8 km Contrarrelógio individual
Etapa 21 – 18 de julho – Chatou – Paris-Champs-Élysées 108,4 km

LEIA MAIS
Tour de France no Bikemagazine