Tirreno-Adriático: Alaphilippe vence 2ª etapa; Van Aert continua líder

HomeCompetições

Tirreno-Adriático: Alaphilippe vence 2ª etapa; Van Aert continua líder

Campeão mundial ataca nos últimos metros e sobe para o 2º lugar na classificação geral, a 4 segundos de Van Aert

Alaphilippe conquista a primeira vitória da temporada na 2ª etapa da Tirreno-Adriático

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação/LaPresse

O campeão mundial Julian Alaphilippe (Deceuninck-QuickStep) fez um ataque perfeitamente cronometrado nos últimos metros da subida final até alcançar seu companheiro de equipe João Almeida e conquistou a vitória da 2ª etapa da Tirreno-Adriático, com 202 km de percurso e chegada em Chiusdino, nesta quinta-feira (11 de março).

O francês, em sua primeira vitória na temporada, cruzou a linha de chegada à frente de Mathieu van der Poel (Alpecin-Fenix) e do líder geral Wout Van Aert (Jumbo-Visma). Van Aert, vencedor da 1ª etapa, manteve a liderança geral com vantagem de 4 segundos à frente de Alaphilippe e 8 segundos à frente de Van der Poel.

 

“Eu me vi na situação perfeita, com João Almeida na ponta. Todo o meu foco estava em manter minha posição. Quando chegou a minha hora, fui a toda. Nunca é fácil vencer e percebo que é ainda mais difícil se você estiver vestindo a camisa arco-íris. Esta primeira vitória da temporada é um alívio para mim”, comemorou Alaphilippe. “Foi um final de suspense. Muito intenso.”

O líder Van Aert disse que na que chegada sentiu que estava no limite. “O terceiro lugar foi o máximo que consegui hoje. Quando Julian acelerou eu já estava no limite de minhas forças. Hoje ele foi o mais forte e João Almeida aguentou muito tempo. Não posso prever o que vai acontecer nas próximas etapas, mas as subidas curtas e íngremes que o percurso envolve devem ser perfeitas para mim. Estou confiante.”

Alaphilippe no caminho da vitória

A etapa terminou nas encostas da subida de 7,5 km para Chiusdino, a 3,5% e que sobe gradualmente para 5% nos últimos dois quilômetros. Um quarteto escapado com Simon Yates (BikeExchange), Mikel Landa (Bahrain Victorious), João Almeida (Deceuninck-QuickStep) e Pavel Sivakov (Ineos Grenadiers) entrou na subida final com cerca de 20 segundos na mão.

Yates ficou para trás quando Sivakov fez um ataque poderoso, seguido por Almeida e Landa. O porttuguês fez um último ataque certeiro, a 800 metros do fim, e avançou. Almeida, então, viu os principais favoritos acelerando e seu líder Alaphilippe a toda, que o ultrapassou e comemorou. Almeida terminou em 7º.

VEJA A CHEGADA

TOP 10 DA ETAPA
1 Julian Alaphilippe (Fra) Deceuninck-QuickStep 5:01:32
2 Mathieu van der Poel (Ned) Alpecin-Fenix m.t.
3 Wout Van Aert (Bel) Jumbo-Visma m.t.
4 Tadej Pogacar (Slo) UAE Team Emirates m.t.
5 Alex Aranburu Deba (Spa) Astana-Premier Tech m.t.
6 Robert Stannard (Aus) Team BikeExchange m.t.
7 João Almeida (Por) Deceuninck-QuickStep m.t.
8 Greg Van Avermaet (Bel) AG2R Citroën Team m.t.
9 Tim Wellens (Bel) Lotto Soudal m.t.
10 Giulio Ciccone (Ita) Trek-Segafredo m.t.

TOP 10 DA CLASSIFICAÇÃO GERAL
1 Wout Van Aert (Bel) Jumbo-Visma 8:37:35
2 Julian Alaphilippe (Fra) Deceuninck-QuickStep 0:0:04
3 Mathieu van der Poel (Hol) Alpecin-Fenix 0:0:08
4 Pavel Sivakov (Rus) Ineos Grenadiers 0:0:11
5 Mikel Landa Meana (Esp) Bahrain Victorious 0:0:13
6 Andrea Vendrame (Ita) AG2R Citroën Team 0:0:14
7 Robert Stannard (Aus) Team BikeExchange m.t.
8 João Almeida (Por) Deceuninck-QuickStep m.t.
9 Tadej Pogacar (Slo) UAE Team Emirates m.t.
10 Alex Aranburu Deba (Esp) Astana-Premier Tech m.t.

Altimetria da 3ª etapa

Próxima etapa
Nesta sexta-feira, a 3ª etapa será mais um dia acima dos 200km. O percurso entre Monticiano e e Gualdo Tadino tem 219 km, com uma subida de 3% para a linha e curva fechada à esquerda a um quilômetro do final.

AS ETAPAS
Etapa 1 – 10 de março – Lido di Camaiore – Lido di Camaiore – 156 km
Etapa 2 – 11 de março – Camaiore – Chiusdino – 202 km
Etapa 3 – 12 de março – Monticiano – Gualdo Tadino – 219 km
Etapa 4 – 13 de março – Terni – Prati di Tivo – 148 km
Etapa 5 – 14 de março – Castellalto – Catelfidardo – 205 km
Etapa 6 – 15 de março – Castelraimondo – Lido di Fermo – 169 km
Etapa 7 – San Benedetto del Tronto (CRI) – 10.1km

LEIA MAIS
Tirreno-Adriático no Bikemagazine
Site oficial