Tour dos Alpes: corrida em 5 etapas começa com vitória de Moscon

HomeCompetições

Tour dos Alpes: corrida em 5 etapas começa com vitória de Moscon

Ex-Giro de Trentino, corrida em cinco etapas é uma das boas preparações para o Giro d'Italia e reúne escaladores como Quintana, que estreia na prova

Gianni Moscon vence etapa de abertura do Tour dos Alpes

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

A semana começou com o Tour dos Alpes, ex-Giro de Trentino, que foi cancelado na temporada de 2020 e retorna com uma competição em cinco etapas na região do Tirol, na fronteira entre a Áustria e a Itália.

 

A corrida conta com 21 equipes, 13 da categoria UCI World Tour. A disputa é para escaladores em busca de preparação para o Giro d’Itália e o pelotão conta com o campeão de 2019 Pavel Sivakov (Ineos Grenadiers), mais Nairo Quintana (Arkea-Samsic), que estreia na prova, Chris Froome (Israel Start-up Nation) e Simon Yates (Team BikeExchange).

Gianni Moscon (Ineos Grenadiers) venceu a etapa inicial nesta segunda-feira (19 de abril) depois de atacar na subida final do dia, a 3,5 quilômetros da meta em Innsbruck. O italiano, que vive na cidade, resistiu ao ataque do norueguês Idar Andersen (Uno-X Pro Cycling), de 21 anos, que se juntou a ele no quilômetro final. Alexandr Riabushenko (UAE Emirates) foi o 3º.

“Não há melhor maneira de voltar às corridas depois de dois meses fora devido a uma lesão”, disse Moscon. “Moro em Innsbruck há três anos e estava muito motivado para tentar vencer em casa. Conhecer as estradas foi uma vantagem, eu sabia o que estava por vir e sabia como julgar o meu esforço. Claro, você precisa das pernas também e tudo funcionou perfeitamente. A batalha pela classificação geral será difícil porque alguns dos melhores escaladores do mundo estão aqui enquanto se preparam para o Giro. Vou tentar defender a liderança”, afirmou o italiano, o primeiro a vestir a camisa de líder.

Moscon lidera com 4 segundos de vantagem e o vice Andersen conquistou a camisa de melhor jovem. Alessandro De Marchi (Israel Start-Up Nation) lidera a classificação de montanha.

Pelotão na etapa de abertura do Tour dos Alpes Foto: Dario Belingheri | BettiniPhoto

A etapa de abertura teve 140,6 quilômetros, de Brixen a Innsbruck, um trecho montanhoso na fronteira ítalo-austríaca com duas escaladas categorizadas, uma de categoria 2 e uma de categoria 3.

Nesta terça-feira, a 2ª etapa começa quase totalmente plana, depois terá três escaladas categorizadas no percurso de 121,5 km até Feichten. Na 3ª etapa, o trajeto é de 162km com chegada em Naturns / Naturno, com cerca de 1.600 metros de escalada. A 4ª etapa é o dia mais longo, com 162,6 km, e três grandes subidas, embora apenas o segundo par seja categorizado. O último dia pode trazer alguns ataques surpreendentes, já que os primeiros 20 km do Valle del Chiese são completamente planos e os 100 km restantes são pontilhados com subidas de diferentes comprimentos e inclinações até Riva del Garda.

AS ETAPAS

Etapa 1 – 19 de abril – Brixen – Innsbruck – 142,8 km
Etapa 2 – 20 de abril – Innsbruck – Feichten im Kaunertal – 121,5 km
Etapa 3 – 21 de abril – Imst – Naturns – 162 km
Etapa 4 – 22 de abril – Naturns – Pieve di Bono – 168,6 km
Etapa 5 – 23 de abril – Idroland – Riva del Garda – 120,9 km

VEJA MAIS
Vídeos, informações de transmissão e mais no Facebook do evento