HomeCiclismo

Volta ao Algarve: Ethan Hayter vence na Fóia e assume a liderança

Ethan Hayter levou a melhor na primeira etapa de montanha e assumiu a liderança geral

O campeão nacional Hayter é o novo líder da prova

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

O britânico Ethan Hayter (Ineos-Grenadiers) conquistou a vitória na segunda etapa da Volta ao Algarve e assumiu a liderança da classificação geral. A jornada desta quinta-feira (6 de maio) teve 182,8km entre Sagres e o alto da Fóia, em Monchique, e Hayter fechou o cronômetro em 4h48min43s a uma velocidade média de média de 37,989 km/h.

Na segunda colocação, ficou o português João Rodrigues (W52/FC Porto) e o espanhol Jonathan Lastra Martinez (Caja Rural-Seguros RGA) completou o pódio. Rodrigues e Martinez ocupam a segunda e a terceira colocações na geral, respectivamente, praticamente empatados com o mesmo tempo de Hayter.

A etapa teve duas fases. A primeira, logo após a passagem pela Vila do Bispo, foi marcada por uma fuga de oito corredores, que chegou a ter mais de 8 minutos de vantagem sobre o pelotão. A UAE Team Emirates trabalhou para Rui Costa e assumiu a puxada na perseguição. A vantagem da fuga foi diminuindo e nos últimos 30km da etapa, onde estavam os três prêmios de montanha, a margem dos escapados era já quase inexistente.

Rui Costa caiu na descida da primeira para a segunda montanha, e abandonou a prova. Começou então o trabalho de outras equipes à frente do pelotão, com destaque para o dinamarquês Kasper Asgreen (Deceuninck-Quick-Step), que colocou o ritmo durante toda a escalada para a Pomba.

Segunda etapa teve 182,8km entre Sagres e o alto da Fóia, em Monchique

O ritmo constante do campeão de fundo da Dinamarca permitiu que fosse um grupo numeroso a entrar na subida final, de Monchique até ao alto da Fóia. A primeira metade da montanha foi em ritmo constante. A movimentação decisiva aconteceu a 3km do final, graças a uma aceleração do francês Élie Gesbert (Team Arkéa-Samsic).

O ataque do capitão da equipe francesa deixou um grupo de seis homens na ponta do pelotão. O próprio Élie Gesbert, Jonathan Lastra Martinez (Caja Rural-Seguros RGA), João Rodrigues (W52-FC Porto) e pelo trio da Ineos-Grenadiers formado por Ethan Hayter, Sebastián Henao e Iván Ramiro Sosa.

Os dois colombianos da equipe britânica assumiram a puxada, até que, já nas últimas centenas de metros, Ethan Hayter, acelerou até a vitória e levou a melhor na disputa do sprint contra Rodrigues e Martinez.

Na etapa de hoje, somente a camisa verde de pontos não mudou de dono, permanecendo como irlandês Sam Bennett (Deceuninck-Quick-Step). João Rodrigues assumiu a camisa azul da classificação de montanhas. Sean Quinn (Hagens Berman Axeon), que no domingo ganhou a Clássica da Arrábida, é o melhor jovem e dono da camisa branca. Na classificação por equipes a liderança é da Ineos-Grenadiers seguido pela W52-FC Porto.

A terceira etapa será a mais longa desta edição da Volta ao Algarve, com 203,1km entre Faro e Tavira.

PROGRAMAÇÃO
1 – Lagos – Portimão – 189,5km
2 – Sagres – Fóia (Monchique) – 182,8km
3 – Faro – Tavira – 203,1km
4 – Lagoa – Crono individual – 20,3km
5 – Albufeira – Malhão (Loulé) – 170,1km

Mais informações no site www.voltaaoalgarve.com