Jogos de Tóquio: a programação do Brasil no paraciclismo

HomeCompetições

Jogos de Tóquio: a programação do Brasil no paraciclismo

Provas de pista começam nesta terça-feira e as de estrada serão disputadas entre os dias 30 de agosto a 2 de setembro

Chaman na vitória do Mundial de Paraciclismo de Estrada 2021 em Portugal

Do Bikemagazine
Foto de divulgação

As provas do paraciclismo nos Jogos Paralímpicos de Tóquio começam nesta terça-feira (24 de agosto). Na programação, os atletas disputarão primeiro as provas no ciclismo de pista (de 24 a 27) e, depois, as do ciclismo de estrada (de 30 de agosto a 2 de setembro). O Brasil conta com cinco competidores.

O destaque é o atual campeão mundial de paraciclismo de estrada Lauro Chaman, que estará acompanhado pelos atletas Carlos Soares e André Grizante, nas provas masculinas, enquanto Ana Raquel e Jady Malavazzi serão as representantes no feminino. Chaman conquistou as primeiras medalhas do paraciclismo olímpico para o Brasil nos Jogos Rio-2016, com uma prata na prova de estrada C4-5 e um bronze no contrarrelógio C5.

Vale destacar que os atletas são classificados em classes. No caso da delegação brasileira, as classes H1 a H4 representam os ciclistas que utilizam a handbike, sendo H1 para atletas mais debilitados e H4 para o menos. A classificação C1 a C5 são para competidores com deficiência físico-motora e amputados que competem em bicicletas convencionais. A C1 é para graus mais severos de deficiência e a C5 para menores graus.

PROGRAMAÇÃO (horário de Brasília)
Paraciclismo de pista

Dia 24 – 22h
Perseguição individual 3.000m – Ana Raquel (C5)

Dia 25 – 22h
1 km contrarrelógio – Lauro Chaman (C4-5) e André Grizante (C4-5)
Perseguição individual 3.000m – Carlos Soares (C1)

Dia 26 – 22h
Contrarrelógio 500m – Ana Raquel (C5)
Perseguição individual – Lauro Chaman e André Grizante (C4-5)
1 km contrarrelógio – Carlos Soares (C1)

Dia 27- 22h
Velocidade por equipe – Lauro Chaman, André Grizante e Carlos Soares (mista C1-5)

Ciclismo de estrada

Dia 30 – 20h
Contrarrelógio – Ana Raquel (C5), Carlos Soares (C1) e Jady Malavazzi (H1-3)

Dia 31 – 1h30
Contrarrelógio – Lauro Chaman (C5) e André Grizante (C4)

Dia 1º – 21h30
Prova de resistência – Ana Raquel (C4-5), Carlos Soares (C1-3) e Jady Malavazzi (H1-4)

Dia 2 – 21h30
Prova de resistência – Lauro Chaman e André Grizante (C4-5)

Transmissão
Assim como nos Jogos Olímpicos, as transmissões dos Jogos Paralímpicos serão realizadas na TV aberta pela Globo, mas a emissora não divulgou as modalidades que serão exibidas. Na TV paga, as transmissões serão realizadas pelos canais SporTV. De acordo com a emissora, serão transmitidas cerca de 100 horas de eventos ao vivo em três canais.