Cape Epic: Seewald e Stosek vencem 3ª etapa; Sauser e Malacarne em 14º na geral

HomeCape Epic

Cape Epic: Seewald e Stosek vencem 3ª etapa; Sauser e Malacarne em 14º na geral

A dupla que reúne o novo campeão mundial de maratona Andreas Seewald e o tcheco Martin Stosek está a 1min43s dos líderes Sarrou e Beers

Seewald e Stosek na vitória da 3ª etapa Foto: Nick Muzik

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

A dupla que reúne o novo campeão mundial de maratona, o alemão Andreas Seewald, e o tcheco Martin Stosek (Canyon Northwave) venceu nesta quarta-feira (20 de outubro) a 3ª etapa da ultramaratona Cape Epic, na África do Sul. Seewald e Stosek continuam em segundo lugar na classificação geral, mas diminuíram a vantagem dos líderes Jordan Sarrou e Matthew Beers (NinetyOne-songo-Specialized) de 2min13s para 1min43s.

No feminino, a dupla Sina Frei e Laura Stigger (Songo-Specialized) conquistou a quarta vitória seguida e segue imbatível na liderança da classificação geral.

O brasileiro Alex Malacarne, de 19 anos, e o pentacampeão da Cape Epic, o suíço Christoph Sauser, de 45 anos, também da equipe NinetyOne-songo-Specialized, terminaram na 17ª colocação, a 27min37s. Na classificação geral, subiram uma colocação e ocupam agora o 14º lugar, a 1h04min.

“Hoje foi duro, 88 km com 2 mil de elevação, um furo no início acabou desconectando a gente do pelotão. O grande problema foi andar com a cara no vento nos estradões enquanto o pelotão estava mais na frente. Buscamos e isso foi motivando a gente, a subida final era bem inclinada”, contou Malacarne.

Sauser e Malacarne na 3ª etapa Foto: Nick Muzik

Stosek libera grupo na passagem pela ponte Thirsti Foto: Nick Muzik

“Nosso plano funcionou perfeitamente hoje”, disse Seewald. “Controlamos o ritmo na longa seção de single track pela frente e podíamos nos dar ao luxo de ir um pouco mais devagar – isso foi bom porque não conhecíamos bem a trilha. Então, na subida íngreme, nós atacamos, que era nosso plano o tempo todo. Foi brutalmente difícil – eu não acreditava que poderíamos realmente conseguir uma vantagem – mas conseguimos e a mantivemos.”

Samuele Porro e Fabian Rabensteiner (Trek-Pirelli) conseguiram ficar com Seewald e Stosek na subida, com os quatro indo juntos em direção à chegada nos últimos 10km.

“Trabalhamos muito na escalada”, disse Seewald. “No final, tínhamos a Trek-Pirelli conosco para que pudéssemos trabalhar juntos e superar a linha o mais rápido possível.”

O tcheco Stosek se emocionou com a primeira vitória da equipe. “Os caras da Trek-Pirelli trabalharam bem. No final, estava confiante que poderíamos vencer o sprint porque o Andreas teve boas pernas hoje, ele quase me matou na escalada. Estou muito feliz com a nossa primeira vitória.”

No percurso da etapa Foto: Sam Clark

Durante grande parte da disputa da Elite dos homens, as equipes líderes permaneceram juntas o tempo todo. A corrida começou a se movimentar na passagem Fanties Pass, sem dúvida a escalada mais difícil de 2021. A Canyon Northwave avançou na metade da subida e apenas a Trek-Pirelli conseguiu responder.

Urs Huber e Simon Schneller, do Team Bulls, conseguiram terminar em 3º, um pouco à frente dos líderes Beers e Sarrou.

Na chegada, Sarrou estava exausto. “Foi um dia difícil. Tivemos que escalar aquela colina enorme. Era tão íngreme; incrivelmente difícil, mas conseguimos diminuir a diferença um pouco. Ainda faltam algumas etapas. Trabalhamos o máximo que pudemos hoje, por isso estamos felizes com o resultado.”

Durante a etapa houve alguns contratempos. A dupla Phil Buys e Pieter du Toit, que estava na liderança, caiu na trilha de Bone Trail e o guidão de Toit quebrou. Já Peeter Pruus (Pure Encapsulation) teve problemas com a roda traseira. O australiano Lachlan Morton (EF Education-Nippo) teve a corrente quebrada logo no início.

TOP 3 DA ETAPA
1 – Andreas Seewald & Martin Stosek 03:57:38.3 (Canyon Northwave MTB) 03:41:47
2 – Samuele Porro & Fabian Rabensteiner (Trek-Pirelli) 03:41:50
3 – Urs Huber & Simon Schneller (Bulls 1) 03:42:07

TOP 3 DA CLASSIFICAÇÃO GERAL
1 – Jordan Sarrou & Matthew Beers (NinetyOne-songo-Specialized) 12:19:26
2 – Andreas Seewald & Martin Stosek 03:57:38.3 (Canyon Northwave MTB) a 1min43s
3 – Martin Frey & Simon Stiebjahn (Bulls 2) a 3min53s

Resultados completos aqui


Nesta quinta-feira, a 4ª etapa terá 73 km, de Saronsberg (Tulbagh) até a chegada reorganizada no Spa Goudini, no Vale Slanghoek. O trajeto é curto, mas com subidas duras e muitas pedras no caminho.

TRANSMISSÃO AO VIVO AQUI

 

AS ETAPAS

17 de outubro – Prólogo – Cidade do Cabo – 20 km
18 de outubro – Etapa 1 – Ceres – 98 km
19 de outubro – Etapa 2 – Ceres – Saronsberg – 94 km
20 de outubro – Etapa 3 – Saronsberg – 88 km
21 de outubro – Etapa 4 – Saronsberg – Slanghoeck – 73 km
22 de outubro – Etapa 5 – CPUT Wellington – 85 km
23 de outubro – Etapa 6 – CPUT Wellington – 95 km
24 de outubro – Etapa 7 – CPUT Wellington – Val de Vie – 66 km

LEIA MAIS

Cape Epic no Bikemagazine

Site oficial do evento

VÍDEO DA ETAPA