Márcio May encara chuva e vento contra na etapa mais longa do Desafio Tour de SC

HomeReportagem especial

Márcio May encara chuva e vento contra na etapa mais longa do Desafio Tour de SC

May percorreu 242,7 km com 3.181 metros de ascensão acumulada em 7h54min no terceiro dia do “Desafio Tour de Santa Catarina – Márcio May 50 Anos”

Márcio May na companhia de ciclistas no terceiro dia do desafio

Do Bikemagazine
Fotos: Luiz Felipe Rahn

A terceira etapa do “Desafio Tour de Santa Catarina – Márcio May 50 Anos” chegou neste domingo (15 de maio) a Chapecó, cidade em que Márcio May já venceu uma etapa do Tour de SC em uma prova de circuito. Com um total de 656,2km percorridos em três dias, May já cumpriu um terço da quilometragem total do desafio.

O percurso deste domingo foi o mais longo do Desafio e teve um total de 242,7km com 3.181 metros de ascensão acumulada. Foram 7h54min26s de Porto União a Chapecó a uma velocidade média de 30,7km/h.

Adversidades no caminho até Chapecó, mas com sorriso no rosto

“Além de ser a etapa mais longa, hoje tivemos várias adversidades. A chuva me acompanhou a maior parte do tempo e o vento soprou contra o tempo todo. A estrada tinha muitos buracos em alguns trechos, obras em outros trechos e acostamento com muita pedra e sujeira. Mas, apesar de tudo, não tive nenhum pneu furado” relata May, que enfrentou temperaturas entre 10 a 14 graus durante no percurso.

A atividade completa pode ser conferida no Strava

CHUVA, BURACOS E VENTO CONTRA
May começou a jornada em companhia dos ciclistas locais Nathan Mendes, Breiner Kist, João Ricardo Tilgner, André Luiz Okpis, Júlio Cesar Dobinski e Rodrigo Siqueira de Camargo, que pedalaram os primeiros 40km.

Nos primeiros quilômetros, May cruzou um trecho do território paranaense pela Rodovia Transbrasiliana (BR-153).

Assim como na etapa anterior, o relevo foi bastante desafiador com passagem a 1.352 metros sobre o nível do mar no KM 71,5km, em General Carneiro.

Mais adiante, na BR-262 a chuva dificultou um ainda mais a pedalada.

“A chuva vai drenando as energias, vai deixando as pernas pesadas. E o corpo vai sentindo o cansaço dos quilômetros acumulados dos dias anteriores, mas cheguei bem e a média horária foi boa, apesar de toda quilometragem”, diz May.

Com o amigo Daniel Rogelin

EX-COMPANHEIRO DE EQUIPE
Nos últimos 45km, May teve a companhia de seis ciclistas de Chapecó que o escoltaram até o Hotel Golden, no centro de Chapecó. No grupo estava o lendário ciclista Daniel Rogelin, amigo de longa data de Márcio May. Em 30 anos de carreira, Rogelin já rodou mais de um milhão de quilômetros.

Natural de Chapecó, Rogelin tem mais de 600 títulos e é bicampeão da Volta a Santa Catarina e bicampeão brasileiro de estrada. Assim, como May, Rogelin também representou o Brasil nos Jogos Olímpicos de Atlanta.

“Eu conheci o Márcio May nos Jogos Abertos de Joaçaba, em 1988. Fui lá só para conhecê-lo e ele foi uma inspiração para mim. Em 1993, ingressamos juntos na equipe Caloi”, conta Rogelin que atuou como profissional até 2015, quando pedalava para a equipe ERT.

“Eu e Márcio nunca tivemos desavenças. Ele é um cara sereno e focado no bem da equipe. Ele sempre priorizou a harmonia do grupo e fez da paixão sua profissão. É por isso que agora como empresário ele é um sucesso”, destaca Rogelin.


QUARTA ETAPA

A quarta etapa, nesta segunda-feira, traz a maior altimetria do “Desafio Tour de SC Márcio May 50 Anos”, com quase 5 mil metros de subidas acumuladas em pouco mais de 203km entre Chapecó e Joaçaba.

“Este será um dia muito difícil. Lembro que uma vez o Tour de SC realizou uma versão mais curta desta etapa. O pelotão chegou todo quebrado, cada um chegou sozinho”, conta May.

Com o cansaço acumulado dos mais de 650km pedalados em três dias, a previsão é de um dia desafiador. “Amanhã possivelmente farei uma média horária inferior à de hoje, pois tem muita, muita subida”, avisa.

A saída será às 7 horas do Hotel Golden, no centro de Chapecó, e a chegada em Joaçaba está prevista entre 15h e 16h.

CAMISA AMARELA
Para o desafio, May criou um uniforme que homenageia o Tour de Santa Catarina com uma camisa amarela, cor da jersey usada pelo líder da classificação geral da mais famosa corrida por etapas do Brasil e tantas vezes usadas por May em suas inúmeras participações na prova.

A camisa, produzida pela Márcio May Sports, pode ser adquirida diretamente no site www.marciomaysports.com.br e parte da renda será revertida para a aquisição de uma bicicleta para o triatleta catarinense Júlio Martins, de 21 anos, natural da cidade de Palhoça.

Márcio May já cumpriu 1/3 do trajeto proposto

AS ETAPAS
1 – Brusque a São Bento do Sul – 211km – 13 de maio
2 – São Bento do Sul a Porto União – 199km – 14 de maio
3 – Porto União a Chapecó – 243km – 15 de maio
4 – Chapecó a Joaçaba – 203km – 16 de maio
5 – Joaçaba a Rio do Sul – 221km – 17 de maio
6 – Rio do Sul a São Martinho – 210km – 18 de maio
7 – São Martinho a Criciúma – 108km – 19 de maio
8 – Criciúma a Urubici (Morro da Igreja) – 179km – 20 de maio
9 – Urubici a Florianópolis – 227km – 21 de maio
10 – Florianópolis a Brusque – 124km – 22 de maio

MÁRCIO MAY NAS REDES SOCIAIS
www.facebook.com/marciomay
www.instagram.com/marciomaysports
www.instagram.com/marciomay
www.strava.com/athletes/1699830

Siga também a hashtag #marciomay50anos

O “Desafio Tour de Santa Catarina – Márcio May 50” tem o apoio de Diklatex, Continental, Royalpro, Cannondale e Márcio May Sports.

Saiba mais sobre a Márcio May Sports no site oficial www.marciomaysports.com.br