Fernando Zogaib busca recorde FKT na Estrada Real nesta sexta-feira

HomeReportagem especial

Fernando Zogaib busca recorde FKT na Estrada Real nesta sexta-feira

Atleta tem meta de pedalar cerca de 700 quilômetros em 48 horas entre Ouro Preto (MG) e Paraty (RJ)

Foto de arquivo pessoal – @redclicks.fotografias

Do Bikemagazine
Foto de arquivo pessoal

Na próxima sexta-feira (15 de julho) o paulista Fernando Zogaib começa mais um desafio. Zogaib, que em 2019 se tornou o ciclista mais rápido ao atravessar o Brasil de Norte-Sul em 50 dias, vai pedalar de Ouro Preto a Paraty pela Estrada Real e estabelecer um novo FKT (Fastest Known Time) de no máximo 48 horas.

“Tenho uma expectativa pessoal, mas não revelo. Gosto de deixar acontecer”, diz o ciclista de 44 anos, que reside em Valinhos, SP.

Em agosto de 2021 Zogaib pedalou o trecho em 52h11min59s, mas a rota não foi a oficial.  “Segundo o Instituto Estrada Real eu fiz um trecho errado”, diz. O recordista deste FKT é o mineiro Thiago “Brou” Drews com o tempo de 48h11min.

O caminho correto passa por Entre Rio de Minas, Casa Grande e Lagoa Dourada. Agora baixei os arquivos GPX diretamente com o Instituto Estrada Real e seguirei o caminho oficial.” Serão 700km no total, sendo 577km em estradas de terra, 42km em trilhas e 80km em asfalto, com um total de 13.700 metros de elevação total acumulada.

Acostumado a longas distâncias, Zogaib estima já ter pedalado 150 mil quilômetros. Em 2021, Zogaib fez história ao se tornar o primeiro brasileiro a vencer uma etapa do BiKingman, um campeonato com várias corridas de longa duração em diversos países. Durante o evento, o ciclista pedala de maneira autônoma e é rastreado por GPS. Zogaib foi o campeão da etapa brasileira ao pedalar os mil quilômetros em 66h02min e que reuniu ciclistas de oito países. Dos 67 que largaram, somente 31 concluíram a prova que teve quase 20 mil metros de ascensão acumulada.

O QUE É FKT?
O conceito de Fastest Known Time, ou melhor tempo conhecido, é um recorde não oficial em determinado trecho e segue critérios próprios. Além das várias modalidades do ciclismo, o FKT pode também ser aplicado em outros esportes como corrida, treking, trail running etc.

“É uma espécie um recorde não-homologado em um determinado trecho que segue as regras do FKT. É praticamente um KOM do Strava”, explica Zogaib, que vai usar os tracks oficiais para estabelecer um novo FKT, desta vez pelo caminho reconhecido oficialmente pelo Instituto Estrada Real.

Por conta de horários de balsas e outros detalhes, o ultraciclista ainda não definiu o horário de sua largada na sexta-feira.

150.000 KM
Em sua pedalada Zogaib contará com o apoio do Strava. Com as novas funcionalidades de esportes off-road, o ciclista poderá analisar todos os segmentos que vai encarar na Estrada Real e planejar os seus treinos para alcançar o seu objetivo.

“Para mim é de extrema importância ter o Strava ao meu lado pelo fato de ser a maior plataforma de desenvolvimento esportivo e avaliação de desempenho global. As ferramentas do aplicativo para medição de desempenho são imprescindíveis no meu dia a dia e no planejamento dos meus treinos. Eu utilizo a plataforma há muitos anos e tenho quase 150 mil quilômetros rodados no Strava. Na Estrada Real, eu utilizei para entender os tempos de cada trecho e conseguir prever, até com bastante precisão, o tempo que eu pretendia fazer para quebrar o recorde de 2021”, conta Zogaib.

Fernando Zogaib nas redes sociais:
www.instagram.com/fzogaib/
www.strava.com/pros/919005