Mundial de Gravel: Vermeersch é o 1º campeão, com vitória solo

HomeCompetiçõesGravel

Mundial de Gravel: Vermeersch é o 1º campeão, com vitória solo

Daniel Oss, companheiro de fuga do vencedor belga, terminou em 2º lugar, a 43 segundos; Van der Poel foi o 3º, a 1min28s

Pódio do Mundial, com o vencedor Gianni Vermeersch; Daniel Oss foi 2º e Van der Poel o 3º

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação/UCI/Sprint Cycling

O belga Gianni Vermeersch venceu neste domingo (9 de outubro) a primeira edição do Campeonato Mundial de Gravel, disputado no Vêneto, na Itália. O belga atacou o italiano Daniel Oss dentro dos 10 quilômetros finais e conquistou vitória solo, com 43s, com o tempo de 5h10min40s no percurso de 190km. O holandês Mathieu van der Poel foi o 3º, a 1min28s.

O percurso, com uma mistura de diferentes tipos de terreno, como cascalho, paralelepípedo, trilhas, ciclovia e asfalto, terminou com três voltas ao redor da deslumbrante cidade murada de Cittadella.

Vermeersch, companheiro de equipe de Van der Poel na Alpecin-Deceuninck, também veio do ciclocross e apostou na fuga para conquistar a camisa arco-íris. Ele e Daniel Oss atacaram a 130km do final e a diferença para o grupo principal foi aumentando e chegou a quase 6 minutos.

“Eu não consigo acreditar que vou usar a camisa arco-íris”, comemorou o belga de 29 anos. “No momento em que abrimos cinco minutos, soube que tínhamos uma grande chance de chegar em primeiro. Nós continuamos e foi apenas uma luta homem a homem”, contou.

“Eu hesitei um pouco porque sabia que os 500 metros finais eram perfeitos para mim. Mas também porque havia um grupo que vinha atrás. Ouvimos dizer que a vantagem estava em apenas 2min30s, então eu só queria ir a toda”, completou.

Gianni Vermeersch e Daniel Oss na fuga

Van der Poel lidera o grupo; holandês terminou em 3º

Magnus Cort, uma das estrelas do Tour de France 2022, escapou com o colombiano Miguel Ángel López, o sul-africano Matthew Beers e o italiano Samuele Zoccarato para buscar os escapados, mas o quarteto foi alcançado. O grupo perseguidor contava com Van der Poel, que largou como um dos favoritos.

A vantagem da dupla escapada foi diminuindo à medida que os quilômetros passavam, mas na marca dos 10 km eles sabiam que mantinham uma vantagem de dois minutos.

Parecia provável que, assim como na corrida feminina do dia anterior, vencida pela francesa Pauline Ferrand-Prevot (veja aqui), os líderes esperassem até o último quilômetro para atacar, mas Vermeersch fez sua jogada com cerca de sete quilômetros para a meta. O futuro campeão entrou no trecho de paralelepípedos da Cittadella sozinho e teve tempo para comemorar uma histórica camisa arco-íris.

Peter Sagan terminou fora do Top 10, em 14º. Yevgeniy Fedorov, campeão mundial de ciclismo de estrada 2022 na categoria Sub 23, foi o 5º colocado, com o mesmo tempo de Magnus Cort.

Mundial de Gravel 2022
Vicenza – Cittadella – 190 km

TOP 10
1. Gianni Vermeersch (Bel) 5h10min40s
2. Daniel Oss (Ita) a 43s
3. Mathieu van der Poel (Hol) a 1min28s
4. Greg van Avermaet (Bel) a 1min29s
5. Yevgeniy Fedorov (Kaz) a 1min39s
6. Magnus Cort Nielson (Din) m.t.
7. Alessandro De Marchi (Ita) a 1min40s
8. Zdenek Stybar (Czh) a 1min46s
9. Davide Ballerine (Ita) a 1min53s
10 Andreas Stokbro (Din) a 2min43s

RESULTADOS-COMPLETOS

SITE OFICIAL DO EVENTO

REPLAY