Temporada de clássicas começa neste sábado com a Omloop

HomeCompetiçõesCiclismo

Temporada de clássicas começa neste sábado com a Omloop

Omloop Het Nieuwsblad no sábado e Kuurne-Bruxelas-Kuurne no domingo abrem a temporada de Primavera na Bélgica

A subida Muur van Geraardsbergen e sua capela no topo da colina no trajeto da Omloop

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

O final de semana é de clássicas na Bélgica, com a Omloop Het Nieuwsblad neste sábado (25 de fevereiro) e a Kuurne-Bruxelas-Kuurne no domingo (26 de fevereiro). Enquanto a Omloop tem famosas subidas, como o lendário Muur van Geraardsbergen, a Kuurne é para velocistas.

Depois de provas na Austrália, Argentina, Oriente Médio e até mesmo na Europa, o pelotão tem um fim de semana duplo na chamada abertura das clássicas de Primavera (apesar do inverno ainda rigoroso). A primeira corrida do fim de semana é a Omloop Het Nieuwsblad, com 207,3 quilômetros, de Gent a Ninove, com o pelotão enfrentando nove seções de paralelepípedos, os “kasseien”, e 12 subidas curtas, as “hellingen”.

Pelotão na Omloop Het Nieuwsblad

A Omloop Het Nieuwsblad tem tudo o que se espera de uma clássica, com subidas curtas e duras, paralelepípedos e condições climáticas que podem se tornar decisivas. Após uma década com largada e chegada em Gent, os organizadores mudaram de cenário em 2018 adotando o antigo final do Tour of Flanders, com as subidas ao Muur van Geraardsbergen e Bosberg. Em 2019, a meta foi mudada alguns quilômetros adiante da estrada principal de Meerbeke para o centro de Ninove, que se repete desde então.

A corrida está no calendário WorldTour desde 2017. Nomes como Eddy Merckx, Freddy Maertens e Johan Museeuw já venceram a disputa, que começou sua história em 1945. Desde 2006 há também uma versão feminina.

Nesta edição, duas ausências deixam tudo em aberto. Wout van Aert (Jumbo-Visma), vencedor em 2022, e Mathieu van der Poel (Alpecin-Deceuninck) preferiram esperar mais uma semana e estrear na Strade Bianche, no sábado (4 de março), na Itália. Sem os favoritos, há muitas possibilidades.

Na Alpecin-Deceuninck, as apostas vão para o belga Jasper Philipsen, que disputará as duas corridas. Já na Ineos Grenadiers, Tom Pidcock chega embalado por uma bela vitória na etapa rainha da Volta ao Algarve, em Portugal. Peter Sagan (TotalEnergies) também está confirmado, assim como Alexander Kristoff (Uno-X Pro Cycling Team). Na Jayco AlUla, Zdenek Stybar pode supreender.

No Brasil, os direitos de transmissão são da ESPN e do serviço de streaming Star +

Veja start list e mais informações no site oficial

Pidcock na Kuurne-Bruxelas-Kuurne de 2021

A Kuurne-Bruxelas-Kuurne, no domingo, com 193 km de percurso, é mais voltada para os velocistas, com Mark Cavendish duas vezes vencedor. Mas essa característica mudou nos últimos anos, quando os organizadores fizeram alterações no percurso. Mas, mesmo assim, duas das últimas quatro edições terminaram em sprint, com Fabio Jakobsen e Mads Pedersen vencedores.

Vale destacar que o percurso passa lugares icônicos do ciclismo, como o Koppenberg e o Wolvenberg. Veja mais no site oficial do evento

LEIA MAIS
Omloop Het Nieuwsblad no Bikemagazine

Kuurne-Bruxelas-Kuurne no Bikemagazine