Pan de MTB: Ulloa vence XCO; Raiza Goulão é bronze

HomeCompetiçõesMountain bike

Pan de MTB: Ulloa vence XCO; Raiza Goulão é bronze

Na Sub 23, ouro para o Brasil com Alex Malacarne e prata para Gustavo Xavier; confira como foi o último dia em Congonhas

O mexicano Jose Gerardo Ulloa

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

O mexicano José Gerardo Ulloa Arevalo venceu neste domingo (30 de abril) o título de campeão pan-americano no cross country olímpico (XCO) na disputa que encerrou o Campeonato Pan-Americano de MTB em Congonhas (MG). O canadense Gunnar Holmgren foi medalha de prata e o argentino Joel Fernando Contreras foi bronze.

Ulloa, que também venceu a prova do short track (XCC) na sexta-feira, encerrou o XCO com 40 segundos de vantagem depois de se manter na ponta nas voltas finais do circuito de seis voltas. “Tinha muita vontade de ganhar o XCC e o XCO. Fiz uma preparação muito boa, era meu objetivo. Estamos no ciclo olímpico e isso me motivou. Estava com as pernas boas e fui para a ponta da corrida”, contou o campeão.

O melhor brasileiro foi Ulan Galinski, que terminou em 4º lugar, seguido de Henrique Avancini, em quinto. “Em tese, o circuito era um tanto ruim para minhas características, mas na prática foi diferente, valeu o que eu coloquei na minha cabeça. Larguei mal, mas consegui reagir e briguei até o fim pela medalha”, disse Galinski, Ulan, que na sexta-feira terminou em 12º no XCC.

Após a disputa, Avancini comentou: “Acreditava que poderia andar um pouco melhor. Não tive um ritmo legal na pista e tentei entregar o máximo que podia. Tentei correr pelas medalhas, mas não tive o suficiente pra fazer a diferença no final. Feliz pelo Ulanzinho que andou bem e quase conseguiu uma medalha. Um pouco “longe do ideal” não termos nenhum Elite Masculino no pódio já que somos a nação nº1 das Americas no ranking UCI. Minha parte da responsabilidade eu assumo e tenho me esforçado bastante pra construir uma boa forma nessa nova fase, mas ainda falta”, disse o campeão brasileiro.

TOP 10
1 – José Gerardo Ulloa Arevalo (MEX) – 1h27’05”
2 – Gunnar Holmgren (CAN) – 1h27’45”
3 – Contreras Joel Fernando (ARG) – 1h28’48”
4 – Ulan Bastos Galinski (BRA) – 1h28’59”
5 – Henrique Avancini (BRA) – 1h29’08”
6 – Leandre Bouchard (CAN) – 1h29’15”
7 – Martín Vidaurre (CHI) – 1h29’39”
8 – Luiz Henrique Cocuzzi – 1h30’03
9 – José Gabriel Marques de Almeida – 1h30’04”
10 – Guilherme Muller – 1h30’07”

No feminino, a campeã foi a norte-americana Kate Courtney, que também venceu a prova do XCC na sexta-feira. Sua companheira de equipe, Kelsey Urban, ultrapassou a brasileira Raiza Goulão nos metros finais e ficou com a prata. A brasileira foi bronze.

TOP 10
1 – Kate Courtney (EUA) – 1h27’02”
2 – Kelsey Urban (EUA) – 1h27’23”
3 – Raiza Goulão – (BRA) 1h27’23”
4 – Daniela Peón (MEX) – 1h28’32”
5 – Jennifer Jackson (CAN) – 1h28’37”
6 – Karen Olimpio – (BRA) 1h29’32”
7 – Isabella Lacerda (BRA) – 1h30’36”
8 – Ana Maria Muñoz (MEX) – 1h31’37”
9 – Erika Monserrrath Suarez (MEX) – 1h32’42”
10 – Sandra Walter (CAN) – 1h33’24”

O último dia do Pan-Americano de MTB 2023 começou animado com a disputa da classe Sub23 no XCO, vencida pelo brasileiro Alex Malacarne. O vice foi o também brasileiro Gustavo Xavier e o mexicano Ivan Villegas fechou o pódio. No feminino a vencedora foi a mexicana Maria Flores Garcia. A canadense Jocelyn Stel foi prata e a norte-americana Sofia Waite ficou com o bronze. A melhor colocação do Brasil foi a Ana Laura Oliveira Moraes, em 4º lugar, seguida de Luiza Cocuzzi em 5º.

No sábado, na categoria Junior, o campeão foi o brasileiro Vinícius Howe. A medalha de prata foi para o colombiano Antonio Ortiz e o bronze ficou com venezuelano Angel Cerrada.

LEIA MAIS
Pan-Americano no Bikemagazine

Replay no canal do YouTube da CBC (Confederação Brasileira de Ciclismo)

Mais informações no site do evento www.panxcobrasil2023.com