Giro d’Italia: Groves vence 5ª etapa, marcada por chuva e quedas

HomeCompetiçõesDestaque

Giro d’Italia: Groves vence 5ª etapa, marcada por chuva e quedas

Mark Cavendish cai na linha de chegada; o norueguês Andreas Leknessund segura a maglia rosa. Veja melhores momentos

Queda no sprint e vitória para Kaden Groves

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

O australiano Kaden Groves (Alpecin-Deceuninck) venceu nesta quarta-feira (10 de maio) a 5ª etapa do Giro d’Italia 2023. Jonathan Milan (Bahrain Victorious) e Mads Pedersen (Trek-Segafredo) terminaram em 2º e 3º.

Foi uma etapa molhada, marcada por muitas quedas, uma delas a 2,4km da meta, que envolveu favoritos como Mark Cavendish (Astana Qazaqstan) e o ex-maglia rosa Remco Evenepoel, que também se envolveu em um acidente no começo da etapa por causa de um cachorro.

Chegada molhada em Salerno

O próprio Groves se envolveu em uma queda a 7km da chegada, com Primoz Roglic (Jumbo-Visma) e o atual maglia rosa Andreas Leknessund (Team DSM), mas todos conseguiram se recuperar rapidamente. No sprint, Groves foi o primeiro a pular da frente do pelotão e liderou com Milan e Pedersen atrás.

“Acho que me surpreendi hoje”, disse Groves. “Estava tudo bem, mas aí teve a queda a 7km do fim. Felizmente, coloquei a corrente de volta rápido o suficiente e os grupos voltaram a se juntar. Vencer é um sonho. Esta é a corrida que venho focando desde novembro. Só quero agradecer minha equipe, a todos os envolvidos, meus companheiros. Eles acreditaram em mim”, comemorou o australiano.

Após análise do sprint, Alberto Dainese (Team DSM) foi punido por sprint irregular. As imagens mostraram que ele cruzou o sprint de Cavendish, que caiu dramaticamente na linha de chegada em Salerno. Dainese cruzou em quarto lugar, mas foi rebaixado para a última posição do grupo em que estava.

O velocista italiano também perdeu os pontos ganhos na classificação por pontos e receberá uma multa de 500 francos suíços. “Após uma revisão do júri da corrida, Dainese foi rebaixado nos resultados do sprint de hoje”, disse o comunicado do Team DSM. “Aceitamos a decisão do júri e mais uma vez esperamos que aqueles que caíram na chegada estejam bem.”

Andreas Leknessund fica mais um dia com a maglia rosa

Não houve mudanças na classificação geral, com o norueguês Andreas Leknessund (Team DSM) com a maglia rosa, com 28 segundos de vantagem sobre Evenepoel e 30 segundos sobre o francês Aurélien Paret-Peintre (AG2R Citroën Team).

“Dormi pouco ontem à noite por causa da emoção. Percebi por meio de mensagens e reações que é muito grande estar com a maglia rosa. Tive um dia especial, o clima não ajudou, mas consegui aproveitar. Largar com a maglia rosa é algo que vou lembrar para o resto da minha vida”, comentou Leknessund.

MELHORES MOMENTOS

TOP 10 DA ETAPA
1 GROVES Kaden Alpecin-Deceuninck 4:30:19
2 MILAN Jonathan Bahrain – Victorious m.t.
3 PEDERSEN Mads Trek – Segafredo m.t.
4 CAVENDISH Mark Astana Qazaqstan Team m.t.
5 DALLA VALLE Nicolas Team Corratec – Selle Italia m.t.
6 MAESTRI Mirco EOLO-Kometa m.t.
7 FIORELLI Filippo Green Project-Bardiani CSF-Faizanè m.t.
8 VENDRAME Andrea AG2R Citroën Team m.t.
9 MATTHEWS Michael Team Jayco AlUla m.t.
10 BONIFAZIO Niccolò Intermarché – Circus – Wanty m.t.

TOP 10 DA CLASSIFICAÇÃO GERAL
1 LEKNESSUND Andreas Team DSM 19:06:03
2 EVENEPOEL Remco Soudal – Quick Step 0:28
3 PARET-PEINTRE Aurélien AG2R Citroën Team 0:30
4 ALMEIDA João UAE Team Emirates 1:00
5 ROGLIC Primoz Jumbo-Visma 1:12
6 THOMAS Geraint Ineos Grenadiers 1:26
7 VLASOV Aleksandr Bora Hansgrohe m.t.
8 SKUJINŠ Toms Trek – Segafredo 1:29
9 GEOGHEGAN HART Tao Ineos Grenadiers 1:30
10 ALBANESE Vincenzo Eolo-Kometa 1:39

Classificação completa aqui

AS CAMISAS
Maglia rosa – líder da classificação geral – Andreas Leknessund (Team DSM)
Maglia ciclamino – líder da classificação por pontos – Jonathan Milan (Bahrain – Victorious)
Maglia azzurra – líder da classificação de montanha – Thibaut Pinot (Groupama-FDJ)
Maglia bianca – líder da classificação de melhor jovem – Andreas Leknessund (Team DSM)

Próxima etapa
Nápoles recebe uma etapa do Giro pelo segundo ano seguido e, desta vez, na 6ª etapa, com um percurso de 162 km, nesta quinta-feira (11 de maio). Doze meses atrás, o pelotão partiu da Piazza del Plebiscito e rumou para o oeste para quatro voltas em um circuito difícil em torno das cavidades vulcânicas dos Campos Phlegraean, com Thomas de Gendt retornando à cidade como o vencedor, apesar do ataque violento de Mathieu van der Poel. Nesta edição, a corrida segue para o leste, saindo da cidade e em direção a um terreno mais vulcânico, contornando a base do Monte Vesúvio antes da subida para Valico di Chiunzi. A partir daí, a rota desce para a costa de Amalfi, com a corrida percorrendo as colinas antes de voltar para Nápoles via Sorrento. Será uma etapa muito movimentada, com os últimos 3 km com algumas curvas e uma leve subida.

Etapa em Nápoles vai contornar a base do Monte Vesúvio

AS ETAPAS
Etapa 1 – sábado – 6 de maio – Fossacesia Marina – Ortona 19,6 km (Contrarrelógio)
Etapa 2 – domingo – 7 de maio – Teramo – San Salvo 201 km
Etapa 3 – segunda-feira – 8 de maio – Vasto – Melfi 216 km
Etapa 4 – terça-feira – 9 de maio – Venosa – Lago Laceno 175 km
Etapa 5 – quarta-feira – 10 de maio – Atripalda – Salerno 171 km
Etapa 6 – quinta-feira – 11 de maio – Nápoles – Nápoles 162 km
Etapa 7 – sexta-feira – 12 de maio – Capua – Gran Sasso d’Italia (Campo Imperatore) 218 km
Etapa 8 – sábado – 13 de maio – Terni – Fossombrone 207 km
Etapa 9 – domingo – 14 de maio – Savignano sul Rubicone – Cesena 35 km (Contrarrelógio)

Descanso – Segunda-feira – 15 de maio

Etapa 10 – terça-feira – 16 de maio – Scandiano – Viareggio 196 km
Etapa 11 – quarta-feira – 17 de maio – Camaiore – Tortona 219 km
Etapa 12 – quinta-feira – 18 de maio – Bra – Rivoli 179 km
Etapa 13 – sexta-feira – 19 de maio – Borgofranco d’Ivrea – Crans Montana 207 km
Etapa 14 – sábado – 20 de maio – Sierre – Cassano Magnago 193 km
Etapa 15 – domingo – 21 de maio – Seregno – Bergamo 195 km

Descanso – Segunda-feira – 22 de maio

Etapa 16 – terça-feira – 23 de maio – Sabbio Chiese – Monte Bondone 203 km
Etapa 17 – quarta-feira – 24 de maio – Pergine Valsugana – Caorle 195 km
Etapa 18 – quinta-feira – 25 de maio – Oderzo – Val di Zoldo 161 km
Etapa 19 – sexta-feira – 26 de maio – Longarone – Tre Cime di Lavaredo 183 km
Etapa 20 – sábado – 27 de maio – Tarvisio – Monte Lussari 18,6 km (Contrarrelógio)
Etapa 21 – domingo – 28 de maio – Roma – Roma 135 km

LEIA MAIS
Giro d’Itália no Bikemagazine