Tota Magalhães é a nova campeã brasileira de ciclismo

HomeCompetiçõesDestaque

Tota Magalhães é a nova campeã brasileira de ciclismo

Carioca venceu a disputa em Cascavel, com Ana Paula Casetta em segundo e Wellyda Rodrigues em terceiro; campeonato termina neste domingo

Tota Magalhães, a nova campeã brasileira de estrada, integra equipe na Espanha

Do Bikemagazine
Foto de divulgação

Ana Vitória “Tota” Magalhães é a campeã brasileira de ciclismo de estrada 2023. A ciclista, que integra a equipe basca Bizkaia Durango, na Espanha, venceu neste sábado (24 de junho) o título nacional na disputa realizada em Cascavel, no Paraná.

Tota, que na temporada anterior venceu o título brasileiro de contrarrelógio e de estrada na Sub 23, estreou na Elite e bateu Ana Paula Casetta (Clube Maringaense de Ciclismo) na chegada, com o tempo de 4h07min33s. Wellyda Rodrigues (Abec Rio Claro) venceu o sprint do segundo grupo e terminou com a 3ª colocação, a 13 segundos.

A disputa da prova de resistência da Elite feminina do Campeonato Brasileiro de Estrada Elite e Sub 23, com 113 quilômetros de percurso, contou com 82 ciclistas, 16 delas da Sub 23.

Faltando pouco mais de 10 quilômetros para a chegada, a prova foi interrompida por causa de uma grande queda no pelotão que mobilizou as ambulâncias de apoio. As ciclistas foram socorridas, mas a organização teve que aguardar o retorno das ambulâncias para prosseguir com a disputa, segundo as regras da UCI. Na relargada, no primeiro grupo, Tota Magalhães viu a oportunidade de se manter na frente.

A nova campeã brasileira é carioca e chegou a jogar futebol em times do Rio de Janeiro, ainda criança. No início da adolescência, a bicicleta chegou por influência de uma situação em família. “Comecei a pedalar aos 14 anos quando vi minha família inteira saindo para pedalar até o Cristo. Era Natal, pedi para ir junto, mas minha mãe não deixou porque eu não tinha condicionamento e não aguentaria acompanhá-los. Desde então, comecei a treinar e, no ano seguinte, me juntei a eles no mesmo pedal”, contou a campeã.

“Venho de uma família grande e cheia de atletas. Sempre gostei de praticar esportes, fazia todos, não parava quieta, mas me desenvolvi mesmo no futebol, comecei com 9 anos. Joguei em alguns times no Rio, mas, por escolha própria, resolvi não seguir esse caminho”, completou Tota em entrevista para a mídia carioca.

A programação termina neste domingo, com largada às 9h, com a disputa do título da Elite masculina, que vai percorrer 187km.

RESULTADOS

ELITE
1 – Ana Vitória “Tota” Magalhães – Bizkaia Durango – 4h07min33s
2 – Ana Paula Casetta – Clube Maringaense de Ciclismo – m.t.
3 – Wellyda Rodrigues – ABEC Rio Claro – a 13s

SUB 23
1 – Lara Gabriela Boeno – Foz do Iguaçu – 4h08m46s647
2 – Emanuelle Viximiczen – Liga de Ciclismo Campos Gerais – a 2min05s
3 – Ana Paula Finco – São José Ciclismo|Insituto Athlon – a 7min33s

Resultados completos aqui

Mais informações aqui