Tour: Wout Poels conquista vitória solo na 15ª etapa

HomeCompetições

Tour: Wout Poels conquista vitória solo na 15ª etapa

O camisa amarela Vingegaard segurou os ataques de Pogacar e manteve os 10 segundos de vantagem antes do segundo dia de descanso

Poels na vitória solo

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação/ASO

O holandês Wout Poels (Bahrain Victorious) conquistou vitória solo neste domingo (16 de julho) na 15ª etapa do Tour de France 2023 com 2min08s de vantagem sobre Wout van Aert (Jumbo-Visma). Mathieu Burgaudeau (TotalEnergies) foi o 3º, a 3min.

Essa foi a primeira vitória em etapas do Tour do holandês de 35 anos. “Sempre sonhei em vencer uma etapa do Tour de France. Significa muito, estou muito feliz. Só comecei a acreditar nos quilômetros finais”, contou.

O camisa amarela Vingegaard

No domingo montanhoso novamente os favoritos Jonas Vingegaard (Jumbo-Visma), camisa amarela, e Tadej Pogacar (UAE Team Emirates) duelaram no topo da subida para a chegada em Saint-Gervais Mont-Blanc, cruzando a linha juntos. Assim como na etapa anterior, Pogacar contou com Adam Yates na corrida em direção ao topo. No entanto, desta vez, o esloveno largou a roda de Yates a 2,5 km da linha.

Foi essa desaceleração de ritmo que permitiu que o terceiro colocado da classificação geral Carlos Rodríguez (Ineos Grenadiers) recuperasse posições, embora Pogacar ainda faria uma outra grande aceleração, a 950 metros do fim, largando de imediato o espanhol, mas levando Vingegaard na roda até ao fim.

O líder dinamarquês terminou a etapa ao lado de seu grande rival, mantendo a vantagem de 10 segundos na classificação geral inalterada antes do segundo dia de descanso. Rodriguez acabou perdendo 38 segundos, mas manteve a terceira colocação.

“Foi mais uma batalha entre nós dois. Acho que está ficando cada vez melhor para os espectadores. Mas gostaria de dizer aos espectadores para aproveitar a corrida e estar lá para torcer por nós sem ficar na estrada ou derramar cerveja na gente. Por favor, apenas aproveite. Estou feliz que um dia de descanso está chegando. Vai ser muito bom para as pernas. O que vou fazer? Apenas relax e relax”, disse Vingegaard.

Para Pogacar, confiança será a chave para entrar na terceira semana, que começa com um contrarrelógio de 2,4km entre Passy e Combloux, com a subida ao Côte de Domancy. “Podemos entrar na terceira semana com muita confiança. Estamos bem, temos boas pernas. Hoje foi um desempenho muito bom da equipe. Temos um dia de descanso amanhã, e mais um para alguns dos caras na terça-feira. Vamos ver depois do dia de descanso como enfrentar essas etapas finais decisivas. Quanto ao ITT, conheço o percurso. Espero que me sirva muito bem”, comentou.

Ciccone é o novo líder de montanha

Giulio Ciccone (Lidl-Trek), que estava na fuga, conquistou a camisa de líder da classificação de montanha após superar o então camisa de bolinhas Neilson Powless (EF Education-EasyPost) e empatar em número de pontos na classificação. “Foi um dia brutal. Fiz o meu máximo para tirar o máximo de pontos KOM possível. Foi uma boa oportunidade. Vamos continuar assim na terceira semana. Para reivindicar essa camisa em Paris, eu preciso estar na fuga o máximo de dias possível, enquanto Pogacar e Vingegaard podem somar pontos durante a batalha do GC. Existem duas maneiras diferentes de vencer esta classificação KOM e ambas são difíceis”, comentou o italiano.

MELHORES MOMENTOS


CLASSIFICAÇÃO DA ETAPA

1. Wout Poels (Bahrain Victorious) 4h40’45’’
2. Wout van Aert (Jumbo-Visma) +2’08”
3. Mathieu Burgaudeau (TotalEnergies) +3’00’’

CLASSIFICAÇÃO GERAL
1. Jonas Vingegaard (Jumbo-Visma) 62h34’17’’
2. Tadej Pogacar (UAE Team Emirates) +10’’
3. Carlos Rodriguez (Ineos Grenadiers) +5’21’’

AS CAMISAS
Camisa amarela – líder da classificação geral – Jonas Vingegaard (Jumbo-Visma)
Camisa verde – líder da classificação por pontos – Jasper Philipsen (Alpecin-Deceuninck)
Camisa de bolinhas – líder da classificação de montanha –Giulio Ciccone (Lidl-Trek)
Camisa branca – líder da classificação de melhor jovem – Tadej Pogacar (UAE Emirates)

Resultados completos aqui

Próxima etapa
A terceira e última semana do Tour 2023 começa na terça-feira, 18 de julho, com a 16ª etapa, a única disputa de contrarrelógio individual desta edição. Serão 22,4km entre Passy e Combloux, com a subida ao Côte de Domancy, onde Bernard Hinault venceu o Mundial de 1980, e que também fez parte do contrarrelógio da última semana do Tour de 2016.

Contrarrelógio abre a semana final do Tour 2023

AS ETAPAS
01/07 – Etapa 1: Bilbao – Bilbao – 182 km
02/07 – Etapa 2: Vitoria – San Sebastián – 209 km
03/07 – Etapa 3: Amorebieta – Bayonne – 185 km
04/07 – Etapa 4: Dax – Nogaro – 182 km
05/07 – Etapa 5: Pau – Laruns – 165 km
06/07 – Etapa 6: Tarbes – Cauterets – 145 km
07/07 – Etapa 7: Mont de Marsan – Bordeaux – 170 km
08/07 – Etapa 8: Libourne – Limoges – 201 km
09/10 – Etapa 9: Saint Léonard de Noblat – Puy de Dome – 184 km
10/07 – Descanso
11/07 – Etapa 10: Vulcania – Issoire – 167 km
12/07 – Etapa 11: Clermont Ferrand – Moulins – 180 km
13/07 – Etapa 12: Roanne – Belleville en Beaujolais – 169 km
14/07 – Etapa 13: Chatillon su Chalaronne – Grand Colombier – 138 km
15/07 – Etapa 14: Annemase – Morzine – 152 km
16/07 – Etapa 15: Les Gets – Saint Gervais Mont Blanc – 180 km
17/07 – Descanso
18/07 – Etapa 16: Passy – Combloux – 22 km (CRI)
19/07 – Etapa 17: Saint Gervais Mont Blanc – Courchevel – 166 km
20/07 – Etapa 18: Moutiers – Bourg en Bresse – 186 km
21/07 – Etapa 19: Moirans en Montagne – Poligny – 173 km
22/07 – Etapa 20: Belfort – Le Markstein Fellering – 133 km
23/07 – Etapa 21: Saint Quentin en Yvelines – Paris – 115 km

LEIA MAIS
Tour de France no Bikemagazine

Site oficial do evento