Tour: Kwiatkowski vence no Colombier; Pogacar a 9s de Vingegaard

HomeCompetições

Tour: Kwiatkowski vence no Colombier; Pogacar a 9s de Vingegaard

A 13ª etapa do Tour de France 2023, no feriado do Dia da Bastilha, voltou ao Grand Colombier após três anos; veja melhores momentos

O polonês Michal Kwiatkowski vence no Grand Colombier

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação/ASO

O polonês Michal Kwiatkowski (Ineos Grenadiers) conquistou vitória solo nesta sexta-feira (14 de julho) na 13ª etapa do Tour de France. Maxim Van Gils (Lotto-Dstny) terminou em 2º, a 47 segundos, e Tadej Pogacar (UAE Emirates) foi o 3º, a 50 segundos, depois de atacar o líder Jonas Vingegaard (Jumbo-Visma), que terminou em 4º, a 54 segundos.

Na escalada ao Grand Colombier

No feriado do Dia da Bastilha, os fãs lotaram o percurso até o topo do Grand Colombier, que retornou à competição após três anos. Pogacar atacou o camisa amarela no quilômetro final e conseguiu reduzir a vantagem do líder da classificação geral de 17s para 9s – o esloveno terminou quatro segundos à frente de Vingegaard e também recebeu um bônus de quatro segundos pelo terceiro lugar antes de um desafiador fim de semana nos Alpes pela frente.

Kwiatkowski, de 33 anos, fez um ataque determinado. Na chegada comemorou com os colegas de equipe Carlos Rodríguez e Tom Pidcock. “Não acreditava que isso fosse possível, mas aqui estou”, disse. “Foi uma etapa difícil. O último esforço foi provavelmente um dos mais difíceis da minha vida, mas me controlei bem, sabia que seria um esforço muito longo.”

“Quando entrei na fuga, pensei que era apenas um ingresso para talvez o final da subida. Nunca pensei que esse grupo lutaria pela vitória da etapa porque a UAE Emirates estava forçando muito na parte de trás. Acho que eles simplesmente deixaram muitos na frente, eu estava e acabei encontrando provavelmente as melhores pernas que já tive na minha vida”, comemorou.

O polonês, que abriu caminho entre a multidão sorrindo, deu para sua equipe a segunda vitória consecutiva em etapa no Dia da Bastilha, depois que Pidcock venceu no Alpe d’Huez em 2022.

Pogacar e Vingegaard na largada

O camisa amarela Vingeggard não mostrou preocupação com o resultado da etapa. “Não estou nem um pouco frustrado ou desapontado”, disse. “Gostaríamos que a fuga fosse até o final e foi o que aconteceu, então acho que para nós foi um dia muito bom. Essa etapa não combina comigo, então, para ser honesto, estou feliz com a forma como a equipe rodou. Estou ansioso pelos próximos dias, acho que eles me servem bem.”

Pogacar encerrou a etapa otimista: “Tiro o chapéu para a fuga. Michal Kwiatkowski foi super forte hoje. Quanto a nós, foi um dia de sucesso, pois recuperamos alguns segundos. O Tour ainda é longo e estamos em uma boa situação. Estamos indo dia após dia, olhando para esse tipo de oportunidade para recuperar alguns segundos. Foi um desempenho muito bom da equipe. Todos podem ter muita confiança e motivação a partir de hoje. Mesmo que não tenhamos vencido a etapa, ainda assim foi uma vitória na batalha pela camisa amarela.”

MELHORES MOMENTOS


TOP 10 DA ETAPA

1 – Michal Kwiatkowski (POL, Ineos Grenadiers) 3:17:33
2 – Maxim Van Gils (BEL, Lotto Dstny) +47″
3 – Tadej Pogacar (SLO, UAE Team Emirates) +50″
4 – Jonas Vingegaard (DIN, Jumbo-Visma) +54″
5 – Thomas Pidcock (GBR, Ineos Grenadiers) 1’03”
6 – Jai Hindley (AUS, Bora-Hansgrohe) 1’05”
7 – James Shaw (GBR, EF Education-EasyPost) 1’05”
8 – Harold Tejada (COL, Astana Qazaqstan Team) 1:05″
9 – Simon Yates (GBR, Team Jayco AlUla) 1’14”
10 – Adam Yates (GBR, UAE Team Emirates) 1’18”

TOP 10 DA CLASSIFICAÇÃO GERAL
1 – Jonas Vingegaard (DIN, Jumbo-Visma) 46h 34’27”
2 – Tadej Pogacar (SLO, UAE Team Emirates) +9″
3 – Jai Hindley (AUS, Bora-Hansgrohe) +2:51″
4 – Carlos Rodriguez Cano (ESP, Ineos Grenadiers) +4:22″
5 – Adam Yates (GBR, UAE Team Emirates) +5:03″
6 – Simon Yates (GBR, Team Jayco AlUla) +5:04″
7 – Pello Bilbao (ESP, Bahrain – Victorious +5:25″
8 – Tom Pidcock (GBR, INEOS Grenadiers) +5:35″
9 – David Gaudu (FRA, Groupama) +6:52″
10 – Sepp Kuss (EUA, Jumbo-Visma) +7:11″

AS CAMISAS
Camisa amarela – líder da classificação geral – Jonas Vingegaard (Jumbo-Visma)
Camisa verde – líder da classificação por pontos – Jasper Philipsen (Alpecin-Deceuninck)
Camisa de bolinhas – líder da classificação de montanha –Neilson Powless (EF Education – Easypost)
Camisa branca – líder da classificação de melhor jovem – Tadej Pogacar (UAE Emirates)

Resultados completos aqui

Próxima etapa
A 14ª etapa, neste sábado, 15 de julho, tem 151,8km entre Annemasse e Morzine – Les Portes du Soleil. Será uma etapa de montanha com 4.200m de subida acumulada, extremamente dura, com passagem por Cou, Feu, Ramaz e o exigente Joux Plane antes da descida técnica para a linha de chegada de Morzine. Esta foi a etapa do L´Étape du Tour desta edição.

A 14ª etapa tem escaladas e uma descida técnica final exigente

AS ETAPAS
01/07 – Etapa 1: Bilbao – Bilbao – 182 km
02/07 – Etapa 2: Vitoria – San Sebastián – 209 km
03/07 – Etapa 3: Amorebieta – Bayonne – 185 km
04/07 – Etapa 4: Dax – Nogaro – 182 km
05/07 – Etapa 5: Pau – Laruns – 165 km
06/07 – Etapa 6: Tarbes – Cauterets – 145 km
07/07 – Etapa 7: Mont de Marsan – Bordeaux – 170 km
08/07 – Etapa 8: Libourne – Limoges – 201 km
09/10 – Etapa 9: Saint Léonard de Noblat – Puy de Dome – 184 km
10/07 – Descanso
11/07 – Etapa 10: Vulcania – Issoire – 167 km
12/07 – Etapa 11: Clermont Ferrand – Moulins – 180 km
13/07 – Etapa 12: Roanne – Belleville en Beaujolais – 169 km
14/07 – Etapa 13: Chatillon su Chalaronne – Grand Colombier – 138 km
15/07 – Etapa 14: Annemase – Morzine – 152 km
16/07 – Etapa 15: Les Gets – Saint Gervais Mont Blanc – 180 km
17/07 – Descanso
18/07 – Etapa 16: Passy – Combloux – 22 km (CRI)
19/07 – Etapa 17: Saint Gervais Mont Blanc – Courchevel – 166 km
20/07 – Etapa 18: Moutiers – Bourg en Bresse – 186 km
21/07 – Etapa 19: Moirans en Montagne – Poligny – 173 km
22/07 – Etapa 20: Belfort – Le Markstein Fellering – 133 km
23/07 – Etapa 21: Saint Quentin en Yvelines – Paris – 115 km

LEIA MAIS
Tour de France no Bikemagazine

Site oficial do evento