Virose tira Pindamonhangaba Cycling Team da Volta do Uruguai

HomeCiclismo

Virose tira Pindamonhangaba Cycling Team da Volta do Uruguai

No total, 13 ciclistas não alinharam para a disputa da crono individual. Além dos brasileiros, a virose afetou a equipe Sindicato da Televisão Argentina e parte da Maní Zabala-Albardon

Equipe paulista de Pindamonhangaba encerrou a participação na sexta etapa

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

A equipe paulista Pindamonhangaba Cycling Team se retirou da Volta Ciclística do Uruguai na quarta-feira (27 de março) por conta de uma virose que afetou vários ciclistas, inclusive o líder geral da competição, o paraibano Kleber Ramos do time de Pindamonhangaba, que assumiu a camisa amarela de líder na segunda etapa (veja notícia).

A virose se espalhou também entre integrantes da comissão técnica, staff, comissários e até policiais batedores.

Na manhã da quarta-feira, a organização do evento emitiu um comunicado informando o adiamento da etapa 7 (crono individual em Paysandú) das 7h50 para o meio-dia por conta de “um severo quadro de enterocolite que afetou os ciclistas”.

A equipe brasileira foi para a disputa no Uruguai com os ciclistas Flávio Santos, Vitor Manzo, Joel Alexandre, Magno Nazaret, Kléber Ramos e Igor Molina, sob os cuidados do técnico Francisco Manzo. Vale lembrar que Magno, Molina e Klrber foram destaque na Volta de Goiás, com Molina na segunda colocação geral.

Virose afetou também ciclistas de outras equipes além de comissão técnica e policiamento

Francisco Manzo, o manager da equipe, lamenta ter encerrado a participação na Volta do Uruguai desta forma: “A virose afetou quase a equipe toda. Tivemos que abandonar a corrida pois não tinha como continuar. A organização ofereceu cuidados em um hospital e fomos medicados para cortar o vômito. Mas com diarreia não dá para continuar a prova. Estávamos liderando na geral com o Kleber Ramos e ontem cedo seria a crono, que foi adiada. Tinha muita gente mal, comissários, policiais e equipes estrangeiras. Infelizmente não vamos terminar a volta brigando pela camisa. Os meninos já estão um pouco melhor e estamos voltando”, contou Manzo ao Bikemagazine.

Os ciclistas Igor Molina e Kléber Ramos foram bastante afetados e estão regressando de avião para cuidarem-se com mais rapidez, de acordo com o manager da equipe.

No total, 13 ciclistas não alinharam para a disputa da crono individual. Além dos brasileiros, a virose afetou também a equipe Sindicato da Televisão Argentina e parte da equipe Maní Zabala-Albardon.

O pelotão prossegue com 97 ciclistas e o novo líder é o uruguaio Roderyck Asconeguy (Club Ciclista Audax).

A Volta do Uruguai continua nesta quinta-feira (28 de março) com a disputa da oitava etapa entre Mercedes e Carmelo com 194,9km. A Volta do Uruguai termina no próximo domingo (31 de março) com uma etapa de 152,5km entre Florida e Montevidéu.

Resultados completos no link:
www.puntodecontrol.com.uy/vuelta-ciclista2024