Galinski e Hercilia Najara vencem XCO da Internacional Estrada Real

HomeMountain bike

Galinski e Hercilia Najara vencem XCO da Internacional Estrada Real

Evento começou na sexta-feira na cidade mineira de Arcos com prova de short track; competição vale pontos para os ranking mundial e olímpico

Ulan Galinski na vitória do cross country em Arcos – Foto de Alemão Silva

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação Alemão Silva

A cidade mineira de Arcos recebeu no sábado (9 de março) o segundo dia da primeira etapa da Internacional Estrada Real. A Avelar Sports, organizadora da competição, reservou a data para as provas de XCO, o Cross Country. As provas estão sendo disputadas no Parque Aquático Municipal, e a competição vale pontos para os ranking mundial e olímpico.

Na categoria Elite, as vitórias foram de Ulan Galinski (Caloi Henrique Avancini Racing) e Hercilia Najara (Trek Estiloventura). Ambos se recuperaram na competição após terminarem na segunda colocação na prova de XCC da sexta-feira.

Os homens deram oito voltas na pista de 4,25km e as mulheres sete voltas no mesmo circuito. Ulan completou em 1h19m46s042 e Hercilia concluiu em 1h23m47s208.

Galinski fechou a primeira volta em sexto lugar, com Edson Rezende na liderança. Aos poucos, o atleta da Caloi cresceu na corrida e passou a rivalizar com Luiz Henrique Cocuzzi e, principalmente, com o colombiano Jhonattan Botero, que terminou em quarto lugar. O paulista, por sua vez, confirmou a segunda colocação, com 1h20m12s140. O pódio teve ainda outro colombiano, Diego Cuervo, com 1h20m12s140.

“Sinceramente, não estava tão competitivo assim ontem (sexta-feira). Estava muito ansioso para a prova do XCO. Não é só uma simples física, tinha que ser tático e usar outros artifícios. Analisei muito o colombiano (Cuervo) e esperei a hora certa para atacar. Estou lutando muito para conseguir uma vaga nos Jogos Olímpicos de Paris. Tenho que agradecer à minha equipe por ter toda essa estrutura para eu poder performar”, contou o baiano Galinski.

Hercilia Najara fez uma prova de superação

Hercilia Najara fez uma prova um tanto quanto especial: ela começou mal, caiu duas vezes, viu Isabella Lacerda abrir uma vantagem de cerca de 15 segundos, mas se recuperou e venceu a prova. Depois, completaram o pódio Isabella Lacerda com 1h26m45s466 e Liege Walter, com 1h29min57s175.

Após a conquista, a atleta de Belo Horizonte contou sobre a persistência:

“Não queria assumir a ponta desde o início porque queria sentir as minhas adversárias e sentir as minhas pernas após a prova intensa do XCC de sexta-feira. Mas eu senti que estava bem, mesmo não sendo o meu melhor ritmo. Estava me freando e, na primeira volta, acabei caindo muito forte na primeira volta. Mas eu prometi para mim mesma que daria o meu melhor e não abriria mão disso. Fui acelerando, ganhando posições e aproveitei para fazer o meu próprio ritmo. Sinceramente, não fiz nada de diferente em relação ao XCC, mas não fui muito precisa no sprint final”, desabafou Najara.

A prova de cross country teve um total de 29 categorias. Na Júnior os vencedores foram Gustavo Nogueira e Anna Vitória de Oliveira. Foram cinco e quatro voltas no percurso, fechando em 54m19s440 e 54m22s599 respectivamente.

Na sexta-feira (8 de março), o local recebeu a disputa de short track (XCC). A vitória na elite ficou com Iara Caetano e Luis Cocuzzi.

Confira o resultado de todas as etapas

AS PROVAS DE XCC E XCO NO YOUTUBE:
Sexta-feira – XCC – www.youtube.com/watch?v=QISJc5uwHY4
Sábado – XCO – www.youtube.com/watch?v=