Giro d’Italia: Pogacar é o campeão; Merlier vence etapa final

HomeCompetiçõesCiclismo

Giro d’Italia: Pogacar é o campeão; Merlier vence etapa final

Esloveno, em sua primeira vez no Giro, encerra com a maglia rosa e a maglia azzurra; confira como foi a festa final em Roma

Pogacar e seus companheiros na largada da etapa final

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação/LaPresse

O Giro d’Italia 2024 terminou neste domingo (26 de maio) com a consagração de Tadej Pogacar (UAE Team Emirates) como campeão da classificação geral em sua estreia na prova e a vitória de Tim Merlier (Soudal QuickStep) na etapa final, em Roma.

A etapa, com 125km, teve uma chegada técnica e nervosa, com os ciclistas preocupados com o trecho em paralelepípedos, e foi Merlier quem cronometrou sua corrida com perfeição para conquistar sua terceira vitória no sprint nesta edição do Giro.

O maglia ciclamino Jonathan Milan (Lidl-Trek) foi o segundo depois de um forte esforço para voltar à disputa após um furo nos últimos quilômetros e Kaden Groves (Alpecin Deceuninck) terminou em terceiro.

Merlier vence o sprint da etapa final em Roma

Pódio final do Giro 2024, com Pogacar campeão, Martinez vice e Thomas em terceiro

Mas as atenções estavam em Pogacar, que desde o início do dia esbanjou bom humor, posando para fotos e comemorando na estrada. O esloveno encerra o Giro 2024 com a maglia rosa e a maglia azzurra da classificação de montanha depois de vencer seis etapas.  Pogacar conquistou a liderança na 2ª etapa e a manteve até o final.

“Estou sem palavras, é difícil descrever este momento, é incrível”, disse Pogacar. “Muitas lembranças boas com certeza, daqui a pouco verei qual foi o melhor momento, mas acho que no geral foi um Giro muito lindo”, comemorou o esloveno que, nesta temporada, vai tentar a vitória dupla Giro-Tour de France, o que não acontece desde 1998 com Marco Pantani. O Tour de France começa dia 29 de junho.

“Levarei comigo para sempre ótimas lembranças do Giro e deste dia em Roma. A maglia rosa é realmente especial, e usá-la por 20 dias foi uma experiência única. Hoje com a equipe controlamos tudo perfeitamente, evitando riscos, é uma pena que Molano não tenha tido o seu melhor dia. Estou feliz por todos que me apoiaram desde o primeiro dia”, completou.

A classificação geral não teve mudanças e Daniel Martínez (Bora-Hansgrohe) encerrou em segundo, a 9min56s, maior margem na classificação geral desde 1965. Geraint Thomas (Ineos Grenadiers) foi o terceiro, a 10min24s.

Na classificação das camisas, Antonio Tiberi (Bahrain Victorious) manteve a camisa branca da classificação de melhor jovem. Jonathan Milan, maglia ciclamino, é o primeiro italiano em dez anos a conquistar classificações consecutivas de pontos depois que Giacomo Nizzolo venceu a ciclamino em 2015 e 2016.

A equipe vencedora do prêmio Super Team foi a Decathlon Ag2R La Mondiale. Filippo Fiorelli (Bardiani CSF Faizanè) venceu a classificação do Intergiro e Andrea Pietrobon (Polti-Kometa) conquistou a classificação do Traguardo Volante.

O francês Julian Alaphilippe (Soudal-QuickStep) foi eleito o ciclista mais combativo.

ÚLTIMO KM

RESULTADOS COMPLETOS

Results powered by FirstCycling.com

AS CAMISAS
Maglia Rosa, líder da Classificação Geral – Tadej Pogacar (UAE Team Emirates)
Maglia Ciclamino, líder da Classificação por Pontos – Jonathan Milan (Lidl Trek)
Maglia Azzurra, líder da Classificação de Montanha – Tadej Pogacar (UAE Team Emirates)
Maglia Bianca, líder da Classificação de melhor jovem – Antonio Tiberi (Bahrain Victorious)

AS ETAPAS
Etapa 1 – 4 de maio – Venaria Reale – Torino – 140 km
Etapa 2 – 5 de maio – San Francesco al Campo – Santuário di Oropa (Biella) – 161 km
Etapa 3 – 6 de maio – Novara – Fossano – 166 km
Etapa 4 – 7 de maio – Acqui Terme – Andora – 190km
Etapa 5 – 8 de maio – Gênova – Lucca – 178 km
Etapa 6 – 9 de maio – Torre del Lago Puccini – Rapolano Terme – 180 km
Etapa 7 – 10 de maio – Foligno – Perugia – 40,6 km (ITT)
Etapa 8 – 11 de maio – Spoleto – Prati di Tivo – 152 km
Etapa 9 – 12 de maio – Avezzano – Nápoles – 214 km

13 de maio – dia de descanso

Etapa 10 – 14 de maio – Pompeia – Cusano Mutri – 142 km
Etapa 11 – 15 de maio – Foiano di Val Fortore – Francavilla al Mare – 207 km
Etapa 12 – 16 de maio – Martinsicuro – Fano – 193 km
Etapa 13 – 17 de maio – Riccione – Cento – 179 km
Etapa 14 – 18 de maio – Castiglione delle Stiviere – Desenzano del Garda – 31,2 km (ITT)
Etapa 15 – 19 de maio – Manerba del Garda – Livigno – 222 km

20 de maio – dia de descanso

Etapa 16 – 21 de maio – Lasa – Santa Cristina Valgardena – 121 km
Etapa 17 – 22 de maio – Selva di Val Gardena – Passo del Brocon – 159 km
Etapa 18 – 23 de maio – Fiera di Primiero – Padova – 178 km
Etapa 19 – 24 de maio – Mortegliano – Sappada – 157 km
Etapa 20 – 25 de maio – Alpago – Bassano del Grappa – 184 km
Etapa 21 – 26 de maio – Roma – Roma – 125 km

LEIA MAIS
Giro d’Itália no Bikemagazine