Giro: Pogacar conquista 5ª vitória ao faturar a encurtada 16ª etapa

HomeCompetiçõesGiro D'Itália

Giro: Pogacar conquista 5ª vitória ao faturar a encurtada 16ª etapa

Frio intenso, chuvas e até neve obrigam a organização alterar o trajeto da etapa que abriu a terceira e última semana da competição

Pogacar em sua quinta vitória no Giro 2024

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação/LaPresse

O maglia rosa Tadej Pogacar (UAE Team Emirates) conquistou nesta terça-feira (21 de maio) sua quinta vitória no Giro d’Italia 2024. O esloveno conquistou mais uma vitória solo na 16ª etapa, encurtada devido ao mau tempo, com chegada ao alto em Santa Cristina Valgardena.

Pogacar atacou Giulio Pellizzari (VF-Bardiani CSF-Faizanè), jovem estreante de 20 anos, que estava na ponta, a 2 quilômetros da meta. Após a chegada, em segundo lugar, 16 segundos depois, Pellizzarri ganhou de lembrança os óculos e a maglia rosa de Pogacar, que entregou ali mesmo. Dani Martínez (Bora-Hansgrohe) encerrou em terceiro lugar, com o mesmo tempo.

“O dia começou realmente intermitente e não sabíamos o que fazer, mas quando começamos estava tudo bem”, disse Pogacar após sua vitória, a 12ª em 2024. “A fuga foi boa para nós, tentamos relaxar, mas a Movistar continuou a pressionar e manteve a fuga próxima. Eles foram muito rápidos na penúltima subida e depois nos 2km finais tentamos controlar”, contou Pogacar.

“Estava pensando que Pellizzari venceria a etapa de hoje e ele esteve perto, estou super feliz que ele chegou em segundo também. Eu já o admiro muito neste Giro e ele me mandou uma foto que tiramos em 2019, quando éramos duas crianças, foi uma lembrança incrível da Strade Bianche, e agora ele está aqui e está realmente forte e talvez consiga vencer uma etapa esta semana”, completou.

Pogacar entrega os óculos para Pellizzari Foto: Zac Williams

E em seguida entrega a camisa rosa Foto: Zac Williams

Pellizzari estava no grupo que, a 14 km da linha de chegada, na subida mais longa do Giro, o Passo Pinei, alcançou, junto com Ewen Costiou (Arkéa-B&B Hotels) e Cristian Scaroni (Astana Qazaqstan), o último sobrevivente da fuga inicial, Julian Alaphilippe (Soudal-QuickStep), chegando até ele a 5 km da linha.

Na classificação geral, Pogacar segue imbatível na liderança e Martinez voltou a ocupar o segundo lugar, a 7min18s. Geraint Thomas (Ineos Grenadiers) caiu para a terceira posição, a 7min40s.

Giulio Pellizzari terminou em segundo

A etapa 16 estava marcada para começar em Livigno e o pelotão iria enfrentar a primeira escalada, a subida de 2.498 metros do Umbrailpass, em um percurso de 206 km. Porém, o percurso foi encurtado e o Umbrailpass retirado após o pelotão realizar uma votação devido às condições climáticas da região. Com a largada adiada, a organização optou por mudar o percurso para 121 km, com as duas últimas montanhas do dia preservadas. A etapa finalmente começou em estradas molhadas e sob forte chuva.

ÚLTIMO KM

MELHORES MOMENTOS

RESULTADOS

Results powered by FirstCycling.com


AS CAMISAS

Maglia Rosa, líder da Classificação Geral – Tadej Pogacar (UAE Team Emirates)
Maglia Ciclamino, líder da Classificação por Pontos – Jonathan Milan (Lidl Trek)
Maglia Azzurra, líder da Classificação de Montanha – Tadej Pogacar (UAE Team Emirates)
Maglia Bianca, líder da Classificação de melhor jovem – Antonio Tiberi (Bahrain Victorious)

Próxima etapa
Nesta quarta-feira, 22 de maio, a 17ª etapa tem 154km entre Selva di Val Gardena e o Passo del Brocon, com duas subidas ao Brocon e os 2 km finais com média de 12%. Após a passagem pelo Passo de Sella e a descida ao longo dos vales Fassa e Fiemme até Predazzo, há subidas e descidas sem interrupção. O pelotão sobe o Passo Rolle seguido pelo Passo Gobbera e, depois do Canal San Bovo, encara a primeira subida ao Passo Brocon (1.610m de altitude) pelo lado norte. O último km é subindo, com a parte íngreme do último GPM nos 2 km finais, com declives superiores a 10%.

A 17ª etapa será um verdadeiro dia nas Dolomitas, com duas subidas ao Brocon

AS ETAPAS
Etapa 1 – 4 de maio – Venaria Reale – Torino – 140 km
Etapa 2 – 5 de maio – San Francesco al Campo – Santuário di Oropa (Biella) – 161 km
Etapa 3 – 6 de maio – Novara – Fossano – 166 km
Etapa 4 – 7 de maio – Acqui Terme – Andora – 190km
Etapa 5 – 8 de maio – Gênova – Lucca – 178 km
Etapa 6 – 9 de maio – Torre del Lago Puccini – Rapolano Terme – 180 km
Etapa 7 – 10 de maio – Foligno – Perugia – 40,6 km (ITT)
Etapa 8 – 11 de maio – Spoleto – Prati di Tivo – 152 km
Etapa 9 – 12 de maio – Avezzano – Nápoles – 214 km

13 de maio – dia de descanso

Etapa 10 – 14 de maio – Pompeia – Cusano Mutri – 142 km
Etapa 11 – 15 de maio – Foiano di Val Fortore – Francavilla al Mare – 207 km
Etapa 12 – 16 de maio – Martinsicuro – Fano – 193 km
Etapa 13 – 17 de maio – Riccione – Cento – 179 km
Etapa 14 – 18 de maio – Castiglione delle Stiviere – Desenzano del Garda – 31,2 km (ITT)
Etapa 15 – 19 de maio – Manerba del Garda – Livigno – 222 km

20 de maio – dia de descanso

Etapa 16 – 21 de maio – Lasa – Santa Cristina Valgardena – 121 km
Etapa 17 – 22 de maio – Selva di Val Gardena – Passo del Brocon – 159 km
Etapa 18 – 23 de maio – Fiera di Primiero – Padova – 178 km
Etapa 19 – 24 de maio – Mortegliano – Sappada – 157 km
Etapa 20 – 25 de maio – Alpago – Bassano del Grappa – 184 km
Etapa 21 – 26 de maio – Roma – Roma – 125 km

LEIA MAIS
Giro d’Itália no Bikemagazine