Giro d’Italia 2024: Pelayo supera Alaphilippe e vence a sexta etapa

HomeCompetiçõesGiro D'Itália

Giro d’Italia 2024: Pelayo supera Alaphilippe e vence a sexta etapa

Tadej Pogacar mantém a liderança da classificação geral com 46 segundos de vantagem sobre o britânico Geraint Thomas e 47 segundos sobre o colombiano Daniel Martinez

Pelayo comemora a vitória em Rapolano Terme na sexta jornada

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação/LaPresse

O espanhol Pelayo Sanchez (Movistar) venceu a sexta etapa do Giro d’Italia nesta quinta-feira (9 de maio). Foram  180km entre Torre del Lago Puccini (Viareggio) e Rapolano Terme completados em 4h01min08s a 44,7km/h de velocidade média, com passagem por alguns trechos de gravel que integram a Strade Bianche. Esta foi a terceira vitória profissional de Pelayo, depois de conquistar a terceira etapa na Volta das Astúrias no ano passado e o Trofeo Pollença em Mallorca esta temporada.

Esta foi a primeira vitória de um ciclista da Movistar no Giro nos últimos cinco anos, quando o equatoriano Richard Carapaz conquistou a vitória geral em 2019.

“Estou sem palavras. Eu tinha em mente vencer a etapa com uma fuga. Eu sabia desde o começo da corrida que seria difícil andar escapado. Fiz o possível pagar guardar forças para o final e tentei manter a calma durante os ataques. Ataquei e tentei largar o Plapp e o Alaphilippe, mas foi impossível. Então, minha única chance de vitória seria o sprint. Sempre sonhei em correr os Grand Tours. Fiz a Volta a Espanha no ano passado pela Burgos-BH e agora é o meu primeiro Giro. Vencer uma etapa aqui é simplesmente maluco”, celebrou o espanhol.

O francês Julian Alaphilippe (Soudal Quick-Step) e o atual campeão australiano Luke Plapp (Team Jayco AlUla) completaram o pódio em segundo e terceiro respectivamente.

O francês Julian Alaphilippe integrou a fuga do dia e terminou em segundo na etapa – Foto de Zac Williams

Tadej Pogacar (UAE Team Emirates) mantém a Maglia Rosa de líder da classificação geral com 46 segundos de vantagem sobre o britânico Geraint Thomas (Ineos Grenadiers) e 47 segundos sobre o colombiano Daniel Felipe Martinez (Bora-Hansgrohe).

“Para nós seria perfeito se a fuga fosse embora porque eu não queria gastar muita energia nos trechos de terra e nas subidas. Para mim foi uma etapa boa e agradável pedalar novamente nas estradas da Strade Bianche. O público foi novamente incrível. Mas ainda prefiro a Strade Bianche. Eu estava com as pernas boas hoje e espero que estejam boas amanhã para a crono. É um percurso interessante. Eu não estou pensando em vencer. Quero apenas me sentir bem na bike”, contou Pogacar.

O líder Tadej Pogacar mantém uma vantagem de 46 segundos sobre Geraint Thomas e 47 segundos de Daniel Martinez

MELHORES MOMENTOS

RESULTADOS COMPLETOS

Results powered by FirstCycling.com

AS CAMISAS
Maglia Rosa, líder da Classificação Geral – Tadej Pogacar (UAE Team Emirates)
Maglia Ciclamino, líder da Classificação por Pontos – Jonathan Milan (Lidl Trek)
Maglia Azzurra, líder da Classificação de Montanha – Tadej Pogacar (UAE Team Emirates)
Maglia Bianca, líder da Classificação de melhor jovem – Cian Uijtdebroeks (Visma Lease a Bike)

Próxima etapa
Na 7ª etapa, nesta sexta-feira (10 de maio), será disputado o primeiro contrarrelógio individual, com 40,6km, de Foligno a Perugia. O trajeto é dividido em duas partes: os primeiros 32 km, são planos e em grande parte não técnicos até a chegada da subida de Casaglia, com aclives de até 16%.

Os últimos quilômetros são para cima, com declives que atingem os dois dígitos. Destacam-se a 6,4 km da meta os 1.300 m de Casaglia a quase 12%, com picos de 16%. A reta final de 250 metros é em paralelepípedos.

Sétima etapa será a primeira crono individual com 40,6km de Foligno a Perugia

AS ETAPAS
Etapa 1 – 4 de maio – Venaria Reale – Torino – 140 km
Etapa 2 – 5 de maio – San Francesco al Campo – Santuário di Oropa (Biella) – 161 km
Etapa 3 – 6 de maio – Novara – Fossano – 166 km
Etapa 4 – 7 de maio – Acqui Terme – Andora – 190km
Etapa 5 – 8 de maio – Gênova – Lucca – 178 km
Etapa 6 – 9 de maio – Torre del Lago Puccini – Rapolano Terme – 180 km
Etapa 7 – 10 de maio – Foligno – Perugia – 40,6 km (ITT)
Etapa 8 – 11 de maio – Spoleto – Prati di Tivo – 152 km
Etapa 9 – 12 de maio – Avezzano – Nápoles – 214 km

13 de maio – dia de descanso

Etapa 10 – 14 de maio – Pompeia – Cusano Mutri – 142 km
Etapa 11 – 15 de maio – Foiano di Val Fortore – Francavilla al Mare – 207 km
Etapa 12 – 16 de maio – Martinsicuro – Fano – 193 km
Etapa 13 – 17 de maio – Riccione – Cento – 179 km
Etapa 14 – 18 de maio – Castiglione delle Stiviere – Desenzano del Garda – 31,2 km (ITT)
Etapa 15 – 19 de maio – Manerba del Garda – Livigno – 222 km

20 de maio – dia de descanso

Etapa 16 – 21 de maio – Livigno – Santa Cristina Valgardena – 202 km
Etapa 17 – 22 de maio – Selva di Val Gardena – Passo del Brocon – 159 km
Etapa 18 – 23 de maio – Fiera di Primiero – Padova – 178 km
Etapa 19 – 24 de maio – Mortegliano – Sappada – 157 km
Etapa 20 – 25 de maio – Alpago – Bassano del Grappa – 184 km
Etapa 21 – 26 de maio – Roma – Roma – 125 km

LEIA MAIS
Giro d’Itália no Bikemagazine