Prova 9 de Julho 2024: Kleber Ramos e Wellyda Rodrigues são os campeões

HomeCompetiçõesCiclismo

Prova 9 de Julho 2024: Kleber Ramos e Wellyda Rodrigues são os campeões

Tradicional disputa do ciclismo nacional, em sua 74ª edição, foi realizada nesta segunda-feira em São Paulo; confira os resultados completos

Kleber Ramos vence a Prova 9 de Julho 2024

Do Bikemagazine
Fotos de divulgação

A edição 2024 da Prova Ciclística Internacional 9 de Julho foi disputada na manhã desta segunda-feira (8 de julho) em São Paulo (SP). Na Elite, os vencedores foram Kleber Ramos e Wellyda Rodrigues, ambos da equipe Pindamonhangaba Cycling Team.

A tradicional competição, em sua 74ª edição, contou com um percurso inédito. Kleber Ramos foi o mais rápido em uma fuga de 9 ciclistas. A vitória veio com uma média de 47km/h. “Foi um sonho realizado”, disse o campeão na entrevista pós-prova. Em maior número na fuga, com três ciclistas, a Swift Carbon teve que se contentar com um novo vice-campeonato de Kácio Freitas e a vitória na sub-23 com Otavio Gonzeli.

O pelotão principal chegou três minutos e meio depois trazendo com ele os campeões da Máster, Pedro Barbosa (Assos Brasil) e da Júnior, Lucca Marques Ferreira Silva (Indaiatuba).

Largada da tradicional competição, em sua 74ª edição

A largada para a categoria Elite Masculina foi dada pontualmente às 7h (de Brasília) e 50 atletas estiveram na briga pelo primeiro lugar. Os ciclistas partiram do Km10 da Rodovia Anchieta, sentido litoral, e seguiram até o Km 29. Eles foram pela Interligação, sentido Planalto, e retornaram sentido São Paulo pela Rodovia dos Imigrantes, fazendo o retorno na Base da Ecovias e voltando no sentido oposto.

Sob chuva, o primeiro pelotão abriu vantagem dos demais na primeira metade da prova, com cerca de uma hora de corrida. A disputa, porém, foi acirrada até os últimos segundos.  “Eu fui feliz., todos os meus companheiros de fuga colaboraram no final. Terminei me sentindo bem, essa chegada era boa para mim. Como eu falei, fui feliz”, comemorou o campeão.

“Nessa subida final, eu esperei a minha distância, e quando eu vi a brecha, fui até o final. Quero agradecer a minha equipe, minha esposa e minha família, que está na Paraíba. É uma prova muito antiga, que eu tinha muita vontade de ganhar, e hoje me encontrei com boas pernas, fui feliz no sprint”, completou Kleber Ramos, que além do troféu também levou um prêmio de R$ 2 mil. A clássica competição de ciclismo também vale pontos nos rankings paulista e brasileiro.

Wellyda Rodrigues comemora sua segunda vitória da 9 de Julho

Na disputa das mulheres, Wellyda Rodrigues venceu a prova pela segunda vez na carreira, sendo a primeira em 2017, com o tempo de 1h55min56s. Ana Paula Polegatch, da Indaiatuba Cycling Team, terminou em segundo lugar, com 1h55min58s, e Talita da Luz de Oliveira (Abec Rio Claro) em terceiro, com 1h55min59s.

A largada para a categoria Elite Feminina foi dada às 9h30 (de Brasília), com 40 atletas na disputa pelo troféu. Diferentemente da Elite Masculina, as ciclistas fizeram uma prova de 74 km — o percurso teve início no Km10 da Rodovia Anchieta no sentido litoral, mas retornaram a São Paulo pela Interligação, sem passar pelo trecho da Rodovia Imigrantes.

RESULTADOS
Elite Masculina (104km)

1 – Kléber Ramos (Pindamonhangaba Cycling Team) – 02h12min13s
2 – Kácio Freitas (Swift Carbon) – 02h12min13s
3 – João Gaspar (AGI Cycling) – 02h12min13s
4 – Bruno Lemes (São José Ciclismo) – 02h12min14s
5 – Victor Andrade (Taubaté Cycling Team) – 02h12min14s

Elite Feminina (74k)
1 – Wellyda Rodrigues (Pindamonhangaba Cycling Team) – 1h55min56s
2 – Ana Paula Polegatch (Indaiatuba Cycling Team) – 1h55min58s
3 – Talita da Luz de Oliveira (Abec Rio Claro) – 1h55min59s
4 – Nicolle Borges (Abec Rio Claro) – 1h56min00s
5 – Larissa Castelari (São José Ciclismo) – 1h56min02s

Sub-23 Masculina (104km)
1 – Otavio Gonzeli (Swift Carbon) – 2h12min19s
2 – Vitor Pompeu (Soul Santos) – 2h15min47s
3 – Julio Mateus Silva (Soul Santos) – 2h15min48s
4 – Pedro Henrique Kunst (Taubaté Cycling) – 2h15min49s
5 – Hugo Viviani (Açaí Conexão Amazônia) – 2h15min49s

Sub-23 Feminina (74km)
1 – Ana Carolina Ribeiro Leal (Avulso) – 1h55min59s
2 – Ana Julia Alves (Avulso) – 1h55min59s
3 – Ana Paula Finco (São José Ciclismo) – 1h56min00s
4 – Maria Julia Vieria (Team Altino/Osasco) – 1h56min06s
5 – Letícia Cobeio (Lulu Team) – 1h56min18s

Máster Masculina (104km)
1 – Pedro Barbosa (Assos Brasil) – 2h15min48s
2 – Michel Amador (Escalera) – 2h15min48s
3 – Diego Lima (Monte Team) 2h15min51s
4 – Erick Garcia (Aurum Safetti) – 2h15min51s
5 – Vinicius Barbosa (Vini Bike Team/Praia Grande) – 2h15min53s

Resultados completos aqui

CONFIRA A DISPUTA

A corrida, criada em 1932 pelo jornalista Cásper Líbero em homenagem à Revolução Constitucionalista e realizada pelo jornal A Gazeta Esportiva a partir de 1933, sempre foi vista como um patrimônio do ciclismo brasileiro. Neste ano, o evento foi realizado pela Gazeta Esportiva e organizado pela Vega Sports, sob supervisão da Federação Paulista (FPC) e da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC). O torneio de também contou com o apoio da Polícia Rodoviária, da Ecovias e da Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo).

LEIA MAIS
Prova 9 de Julho no Bikemagazine