Prova 9 de Julho terá transmissão ao vivo nesta segunda-feira

HomeCompetiçõesCiclismo

Prova 9 de Julho terá transmissão ao vivo nesta segunda-feira

Competição será transmitida ao vivo na página da Gazeta Esportiva no Youtube a partir das 7h da manhã desta segunda-feira; confira mais informações

Pelotão disputa a tradicional 9 de Julho nesta segunda-feira Foto: Sergio Barzaghi

Do Bikemagazine
Foto de divulgação

A Prova Ciclística Internacional 9 de Julho recebe nesta segunda-feira, dia 8/7, um seleto grupo com 300 dos melhores ciclistas brasileiros da atualidade. O evento mais tradicional do ciclismo brasileiro é válido pelos rankings paulista e brasileiro, com disputadas nas categorias Júnior, Sub-23, Elite e Open Máster. A competição será transmitida ao vivo na página da Gazeta Esportiva no Youtube a partir das 7h da manhã.

A Clássica marcará a estreia do atual campeão brasileiro de ciclismo de estrada, Roberto Pinheiro, com a camisa alusiva à sua conquista em Palmas (TO) na semana passada. Betinho, como é conhecido no pelotão, venceu a Prova 9 de Julho (2011 e 2013) e vem com um forte e experiente time para a disputa deste ano. Entre os 9 nomes da equipe de Pindamonhangaba, dois deles já conhecem a glória desta disputa: Flavio Cardoso (2014) e Francisco Chamorro, atual campeão e maior vencedor no masculino, com quatro conquistas (2010, 12, 18 e 23).

O pelotão Elite Masculino conta com outros seis ciclistas que ficaram entre os 10 melhores no Brasileiro em Palmas. Aliás, o pódio inteiro se reencontra para uma revanche. Segundo colocado no nacional, o mineiro Felipe Marques é uma das bases da equipe de Indaiatuba, que traz a maior delegação do evento, com 19 ciclistas em todas as categorias.

Outro time potente na disputa são os mineiros da Swift Carbon, liderados pelo terceiro colocado no Brasileiro, Alessandro Guimarães. O time também tem boas cartas com o vice-campeão do ano passado, Lauro Chaman, com o velocista Kácio Freitas e na sub-23, com Otavio Gonzeli, vice-campeão nacional na categoria.

Outro ex-campeão da 9 de Julho no pelotão é Bruno Tabanez. Vencedor em 2009 ele é destaque da equipe de São José dos Campos. O time de Taubaté também tem ótimas cartas com ciclistas de seleção brasileira e habituados ao pódio das grandes competições, como André Gohr e Cristian Egídio. Já a Soul/Santos traz como destaque o francês Simon Pierre de Groote, que no último mês venceu a Volta ao Litoral. João Gaspar, o Canibal, é sempre um nome forte, apesar de correr sozinho pela equipe AGI Cycling.

Junto com os 90 ciclistas da elite, estarão no mesmo pelotão outros 160 ciclistas. A nata das categorias masculinas Junior, Sub-23 e Máster, com vários ciclistas com pódios nas provas nacionais e internacionais. Será uma dinâmica diferente ao longo dos 104 km de prova. A disputa promete ser muito rápida e intensa. Mas a estrada não mente e os 1.000m de desnível acumulado vão pesar as pernas, já que o final na Rodovia Anchieta será depois de uma rolada e longa ascensão.

Largada da prova em 2023

Logo depois da prova masculina, 40 mulheres largam pela glória nos 74km de percurso. O circuito é muito similar ao masculino, com exceção do trecho na Rodovia Imigrantes. Por isso, a expectativa é que as participantes da Elite e da Sub-23 concluam com menos de duas horas. Alice Melo, com a equipe ABEC/Rio Claro, chega como a atual campeã da prova. Todas suas rivais tentam o título pela primeira vez, incluindo Wellyda Rodrigues, ex-companheira de Alice na modalidade de Pista, que agora corre por Pindamonhangaba. As equipes Lulu Five e Soul/Santos contam com o maior número de atletas, entrando com seis atletas cada. Quarta colocada no campeonato brasileiro, Marcela Toldi certamente é uma aposta para as fugas com o time de Indaiatuba, que conta também com a consagrada ciclista Ana Polegatch.

Os cinco primeiros colocados de cada pelotão receberão prêmios em dinheiro, independente da idade. Além disso, haverá pódio e troféu aos cinco primeiros de cada uma das seis categorias. Como a prova não será em circuito, ciclistas com mais de cinco minutos de diferença do pelotão principal poderão ser cortados nos seis pontos indicados no regulamento. Para segurança de todos, eles deverão entrar no carro-vassoura indicado pela organização.

Percurso
Os atletas realizarão o trajeto da prova partindo do km 10 da rodovia Anchieta (mesmo local da chegada) sentido litoral, e seguirão até o km 29, pela pista central. Os ciclistas seguirão pela Interligação, sentido Planalto, e retornarão sentido São Paulo pela Rodovia dos Imigrantes fazendo o retorno na Base da Ecovias e voltando no sentido oposto: Imigrantes, Interligação e chegada no km 10 da Anchieta. O feminino não entra na Imigrantes, fazendo o retorno no limite da Interligação. As pistas auxiliares terão trânsito controlado para carros e devidamente sinalizadas com barreiras para garantir a passagem segura dos esportistas. Em alguns trechos da Rodovia Imigrantes, a concessionária organizará comboios com motoristas para garantir a segurança viária dos usuários e ciclistas.

A Ecovias, parceira do evento, vai mobilizar 13 veículos operacionais, entre eles guinchos, unidades de guincho para remoção de veículos, além de veículos de inspeção de tráfego e carros de apoio. O Policiamento Rodoviário contribuirá com 11 viaturas. O Centro de Controle Operacional (CCO) da concessionária, em conjunto com o policiamento, vai monitorar o tráfego por meio das mais de 160 câmeras. Adicionalmente, os painéis eletrônicos (PMVs) informarão os motoristas sobre o evento e seus devidos bloqueios, garantindo a correta sinalização durante o percurso.

74ª PROVA CICLÍSTICA INTERNACIONAL 9 DE JULHO

Data: 8 de julho
Participantes: 300 ciclistas
Local Arena: Km 10 da rodovia Anchieta (base da Polícia Rodoviária)

Horários de Largada:
7h – Pelotão Masculino, com 104km
9h30 – Pelotão Feminino, com 74km
Transmissão ao vivo: https://www.youtube.com/live/bVKDjb61C7Q
Site oficial (Regulamento e Start List): https://prova9dejulho.com.br